...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

fevereiro 2014, numerológico 9

Mês Universal 9 de um Ano Universal 7, fevereiro é tempo de refletir e planejar.

(Se quiser uma previsão pessoal, busque nos textos "Ano Numerológico Pessoal" e "Mês Pessoal Numerológico" no índice por assuntos, ou procure um numerólogo/a).

9 é mês de colheita, ainda não começamos o ano de verdade.
Estamos colhendo, as situações chegam ao seu auge, quando recebemos recompensas ou lições.

O ano é de silêncio, mas fevereiro é mês de vida pública, social.

A energia do 9 é super ativa nos três planos (físico, emocional e mental) e, como fechamento de ciclo, é uma passagem para o plano espiritual.

Por isso, tem também as sementes do novo ciclo.

Então, 9 é energia para plantar, também, além de colher.

São dias de muito movimento com acontecimentos marcantes no plano físico, emocional e/ou mental.
Isso significa:

1) muita correria no cotidiano
2) fortes emoções
3) pensamento acelerado

Tendência a agir impulsivamente, gastar impulsivamente, tirar conclusões apressadas, ficar "cego" de raiva, de amor, de tristeza, etc

Nove vai do 8 ao 80. É uma energia de extremos, meio bipolar.
Quando se magoa, retira-se da vida pública e busca o isolamento, entra dentro da concha, hiberna. E culpa o mundo, se sente vítima.
Até amadurecer, se responsabilizar pelo que colheu, e conseguir algum aprendizado disso.
É então que começa a trilhar o caminho da sabedoria, torna-se mestre de si mesmo e inicia a sua jornada espiritual.
Até isso chegar, tem muitos altos e baixos.

Por isso, algumas pessoas buscarão o isolamento, a solidão e o silêncio.
Enquanto outras vão rodopiar durante todo o mês.

O ano 7 pede reflexão, raciocínio e sabedoria.

Combinado com o mês 9, favorece bastante as atividades intelectuais e os estudos de qualquer tipo, todas as atividades mentais, e o planejamento da vida.

A soma 7 (ano) + 9 (mês) = 16, e 1 + 6 = 7.
O 16 nos remete à Torre, 16ª carta do Tarô, que simboliza a força de circunstâncias externas mais forte do que a vontade individual.
É uma energia difícil, mas que pode ser positiva no sentido de libertar.

É difícil porque liberta de ilusões.
E é mais confortável viver na doce ilusão do que ter que fazer esforços para melhorar a dura realidade.

Portanto, muitos acontecimentos súbitos, inesperados e surpreendentes esse mês.
Perdas, falências, desilusões.
Mas também revelações, insights, libertação de situações estagnantes que nos aprisionavam.

A Torre é a última carta coroada, e perde sua coroa.
Isso quer dizer humildade. Precisamos de humildade.
Depois da Torre, na sequência do Tarô, não há mais nenhuma figura que use coroa.
Isso quer dizer: somos todos iguais, ninguém é melhor ou pior do que ninguém.
Por isso, é preciso humildade.

Tanto na vitória como na derrota.

Por isso, fevereiro numerológico pede silêncio e mais observação do que ação.

Se algo estiver dando sinais que está saindo de sua vida, deixe ir, está apenas no fim do seu ciclo.
E plante mais sementes.

Busque sabedoria.

Namastê.

Nenhum comentário: