...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

eclipse anular do Sol, 01/set/2016

,
"Um homem se viu possuindo duas cabeças, 
e as duas olham para fora, 
através das sombras."
(símbolo do grau)

Na Lua Nova de 01/setembro teremos mais um eclipse anular do Sol, a 9° Virgem - Lua Nova às 6:03 h, no Nodo Norte.
Eclipses são associados à mudanças.
O símbolo do grau do eclipse é "Em um momento de visão, o homem se viu possuindo duas cabeças, e as duas olham para fora, através das sombras."
Simboliza o início da compreensão da dualidade, dos aspectos complementares dos opostos.
Essa compreensão inicia com a transcendência, quando adquirimos a capacidade de olhar e perceber além dos nossos conflitos internos e das nossas sombras, e antecede a transformação pessoal.

A estrela Alioth, da constelação Ursa Maior, a cauda da Ursa, o cavalo negro, magnitude 1.7, em conjunção com o eclipse simboliza magnetismo, perseverança e paixão, perturbação, problemas psicológicos, a força do destino manifestando-se em suas escolhas, sendo o desafio principal de escolher bem seus parceiros e companhias. Natureza de Marte, pode ser destrutiva, principalmente para as mulheres e assuntos femininos. Portanto, proteja-se.

Duração:
Tempo total do eclipse: das 3:13 h às 9:00 h (5 horas e 47 minutos)
início da fase anular: 4:17 h
clímax: 6:01 h
final da fase anular: 7:55 h
Tempo total da fase anular: 3 horas e 38 minutos
Tempo total de observação máxima do eclipse anular nos locais visíveis: 3 minutos e 6 segundos
Visibilidade:
Não visível no Brasil.
Inicia no Oceano Atlântico e vai a Leste da África Central (Gabão, Congo, Tanzânia, Moçambique e Madagáscar), Ilha da Reunião , terminando no Oceano Indico.
Em locais onde não é visível, o efeito acontece nos mapas que fizer conjunções fortes com Sol, Lua, Ascendente, Meio do Céu, e com menos força no Fundo do Céu e Descendente, se ali não houver planetas.
para ver a tranjetória com detalhes, acesse o link : http://eclipse.gsfc.nasa.gov/SEplot/SEplot2001/SE2016Sep01A.GIF.
Pertence à Série Saros 135, composta de 71 eclipses, que iniciou em 05/07/1331 e terminará em 17/08/2593 ( para ver o caminho vá no link 10P 45A 2H 6T 8P ), que vai do Norte ao Sul.
Na cartografia, as linhas que passam pelo Brasil são Marte/Saturno no Fundo do Céu, Sol, Lua, Nodo Norte e Netuno no Ascendente bem a Leste do país (aproximadamente de Florianópolis a Belém do Pará) a linha de Saturno passa por Brasília.
Os efeitos desse eclipse são de aproximadamente 3 meses.

linhas de Marte/Saturno no fundo do céu:

Muito tenso.

Esse eclipse quadra o grau exato que ocorreu a conjunção de Marte com Saturno, em 24/08/2016, adicionando mais agressividade ao seu simbolismo durante 3 meses (post "Conjunção Marte Saturno 24/08/2016).

Os signos de Virgem, Sagitário, Peixes e Gêmeos estão desafiados no máximo.

Se você tem Sol, Lua, Ascendente, Meio do Céu, Mercúrio, Vênus ou Marte entre 4 a 14 graus de Virgem, Sagitário, Peixes e Gêmeos é tempo de trabalhar muito, e equilibrar isso com descanso.
Há tendência de ser desafiado ao máximo em sua paciência e resistência, tanto física quanto emocional.
É tempo de testes, e, como tudo na vida, vai passar.
Por isso, aproveite a força das quadraturas para realizar. As quadraturas são tensas e obrigam a trabalhar, não é permitido ficar parado com elas, pois parando há perdas. Nesse sentido elas levam a realizações também.
Muitas vezes é justamente nos tempos de aspectos mais tensos que conquistamos as coisas mais difíceis, porque esses dias não permitem acomodação.

Esse acúmulo energético deve ser bem direcionado, tanto pelas pessoas impulsivas quanto pelos tímidos: nos impulsivos a tendência é de comprar briga à toa, magoar pessoas, romper situações, perder oportunidades por falta de paciência, e nos tímidos o risco é de voltar essa energia para dentro aumentando stress, doenças que se agravam, doenças nervosas, insônia, etc

Tanto para os impulsivos como para os tímidos é bom planejar bem suas atividades e incluir na parte das "obrigações" da agenda um tempo extra para o repouso, seja para fazer nada ou para fazer algo que você goste muito.

Em todos os casos é muito bom em momentos assim aumentar um pouco a atividade física, conforme suas possibilidades - desde malhar mais na academia até caminhar sempre que puder, mas sem ultrapassar seu limite, usando a atividade física para equilibrar o excesso de energia deixando a mente e emoções mais leves.

Dias desafiadores, é preciso estar tranquilo e alerta para não desperdiçar suas energias com detalhes irritantes que ganham proporções grandes demais.

Nos eclipses do Sol, a Lua é quem manda.
Lua leva para o emocional e para o passado.
Se for o caso, faça com que a viagem ao passado seja proveitosa, e não uma estrada de lamentação e revivência de mágoas.
O instinto muito forte pode levar a atitudes fortes, dramáticas, emocionais, com pouca ou nenhuma reflexão, inconsequentes e até perigosas.
O medo de avançar é maior do que a ousadia de mudar alguma coisa.
O medo pode causar comportamento egoísta no sentido de acumular para o futuro, muito mais do que seria necessário, e concentrar-se apenas em suas próprias necessidades (físicas, emocionais, etc)

Bem aproveitada, essa é uma energia muito boa para investigar profundamente as emoções, o subconsciente, os sonhos e as raízes. Mas não para agir e nem para tomar decisões rápidas, apenas para compreender e assimilar coisas profundas.

É possível que algumas pessoas fiquem muito agressivas e sensíveis - esse é o maior desafio.

Mas também há outros: doença, epidemia, desemprego, pobreza, desemprego, greves, protestos e rebeliões, insegurança pública, incêndio, desabamento, explosões, distúrbios climáticos fortes, relacionados com o signo do eclipse, a casa e os aspectos formados no mapa astral do evento.
Nos locais onde é visível principalmente, e nos países onde faz conjunções importantes, em segundo lugar.

É uma boa oportunidade para observar o mapa do Brasil, já que estou comparando os dois mapas (do dia 02 e do dia 07/09). No mapa do dia 02 os efeitos são mais fortes do que no mapa do dia 07.
Lembrando que os efeitos são para os próximos 3 meses.

No Brasil:
1) Não será visível

2) No mapa do dia 02/09 - o eclipse faz conjunção com o Sol, na casa 10 do mapa natal, paralelo com a Lua e Mercúrio, quadratura com Júpter natal na casa 6, e trígono com Saturno natal no final da casa 5 e conj. com a 6.
O Retorno Solar nesse mapa acontece imediatamente após o eclipse, às 9:53 h.
Aqui está uma boa oportunidade de estudo para comparar os dois mapas que venho observando (do dia 02/09 e do dia 07/09), pois nesse mapa (02/09) o impacto é bem grande, muito maior do que no mapa do dia 07/09.
Na casa 10, a possibilidade é de instabilidade e mudanças no governo, oposição forte.
Os aspectos a Jupter e Saturno mostram impactos sociais.
Crescimento econômico lento, aos poucos e estável, muito sacrifício imposto aos trabalhadores, cortes em investimentos grandes, mudança de rumo do país em meio a muito tumulto.
Se esse mapa estiver mais forte, mostra que o ano set/2016 a set/2017 será um período forte para o país, que deixará uma marca.
Mas no mapa do aniversário os transtornos maiores estão amenizados, valendo para o período de 3 meses aproximadamente.
Nesse mapa, os maiores tumultos são políticos, na esfera do Poder e do governo.
As finanças estão difíceis, mas encontram caminho durante o período (Júpter regendo as finanças faz sextil com Ascendente e Roda da Fortuna).
Há uma continuidade nas atividades do país, embora a briga política seja enorme.
O Ascendente na casa 12 e o Meio do Céu na casa 9 mostram a atenção do país voltada para seus maiores problemas (pobreza, insegurança, saúde pública, aposentados e pessoas à margem da sociedade) enquanto há intensa atividade do Poder Judiciário, que tanto pode ser a interferência de um Poder no outro ou políticos poderosos sendo processados, e ainda a grande cobrança da sociedade em relação aos rumos que forem decididos pelo governo.
Também o assunto de estrangeiros: pessoas imigrando e emigrando, e questões importantes relativas à política internacional influenciando a política nacional sendo debatidas durante esse ano.

3) No mapa do dia 07/09 - o eclipse cai na casa 7 do mapa natal, em quadratura com a Lua e Júpter natais na casa 4, trígono com Saturno natal na casa 3.
Nesse mapa do dia 07/09 o impacto não é tão forte, principalmente porque não está em conjunção próxima com o Sol.
O eclipse na casa 7 mostra mudanças tanto na política internacional como nas alianças internas do governo.
Mas a influência é de guerra de informações, intrigas, denúncias, propaganda inimiga de todos os lados, rompimento de contratos ou tratados.
Nesse mapa também há sobrecarga aos trabalhadores e ao povo em geral.
Os aspectos a Jupter e Saturno são os mesmos, pois esses planetas não mudam em poucos dias: "mostram impactos sociais. O crescimento econômico lento, aos poucos e estável, muito sacrifício imposto aos trabalhadores, cortes em investimentos grandes, mudança de rumo do país em meio a muito tumulto". A mudança de rumo do país é menor nesse mapa, e maior no mapa do dia 02/09.
Mas a inquietação política entre governo e oposição é praticamente a mesma.
Apesar de o eclipse não estar em conjunção com o Sol, dou uma olhada rápida no mapa do aniversário, só prá comparação:
O Retorno Solar, no mapa do dia 07/09, acontece no dia 06/09/2016 às 14:54 h.
Também mostra continuidade dos trabalhos do governo, embora com muito tumulto político durante todo o período (set/2016 a set/2017).
O governo, nesse mapa, faz seu trabalho nos bastidores, não se expondo muito, deixando a briga maior para os seus aliados deputados e senadores - é aí que acontecem os maiores ataques.
O Ascendente e Meio do Céu nas mesmas casas natais do mapa anterior, mesma interpretação: "O Ascendente na casa 12 e o Meio do Céu na casa 9 mostram a atenção do país voltada para seus maiores problemas (pobreza, insegurança, saúde pública, aposentados e pessoas à margem da sociedade) enquanto há intensa atividade do Poder Judiciário, que tanto pode ser a interferência de um Poder no outro ou políticos poderosos sendo processados, e ainda a grande cobrança da sociedade em relação aos rumos que forem decididos pelo governo.
Também o assunto de estrangeiros: pessoas imigrando e emigrando, e questões importantes relativas à política internacional influenciando a política nacional sendo debatidas durante esse ano."
Nesse mapa, a situação financeira do país está bem pior, vai ruim o ano todo, com pequenos estímulos, mas insuficientes.
Os protestos dos trabalhadores são menores pois aumentam os empregos. Nesse mapa, os trabalhadores não são tão sacrificados. Os problemas com os trabalhadores melhoram durante o ano, mas durante os 3 primeiros meses, na influência do eclipse, os protestos e insatisfação são grandes.

- Nos dois mapas os escândalos políticos e financeiros continuam acontecendo, mas no mapa do dia 02 o governo está mais exposto do que no do dia 07.
- O mapa do dia 02 está prevendo um ano bem mais difícil politicamente, mas para o povo e os trabalhadores o sacrifício é menor.
- O mapa do dia 07 mostra um ano mais difícil para o povo do que para o governo.
- Essa é uma olhada superficial, não sei se terei tempo para postar esses aniversários, e se tiver, os textos virão com atraso, por isso deixo essa pitada.

Namastê.

setembro 2016, numerológico 9

setembro 2016, numerológico 9
tempo de concluir, 
colher, 
e preparar a terra para novas sementes

Mês Universal 9, de Ano Universal 9.
Mês de conclusões no Ano de conclusões.
Número de Odin.

9 é final de ciclo, colheita (recompensa ou aprendizado), tempo de vida pública, segredos descobertos, o máximo de algum período, o topo da montanha.

O tempo passa rapidamente, deixando a impressão de que está fugindo, e nós correndo atrás dele, assim como Alice correu atrás do Coelho Branco.

É uma energia de extremos, algumas contradições: seu desafio é ser moderado.

Vai do isolamento, amargura e depressão à euforia, fama e vida social agitada.

Tudo se torna público em um período 9.

Não é bom para começar nada, pois as coisas estão terminando.
Mas para planejar sim, essa energia olha para o passado mas pressente o futuro.

Sua característica principal é a colheita.
Recebemos a recompensa, alcançamos o objetivo, ficamos famosos.
Perdemos coisas, nos distanciamos, aprendemos lições.

Essa energia muito ativa nos 3 planos (físico, emocional e mental) - agita mais o emocional.
9 = 3 vezes 3.
3 é movimentado, 9 é 3 vezes mais.
Podemos esperar grandes emoções em setembro.

Como é o auge de tudo - físico, emocional e mental - a tendência é começar a explorar o espiritual.
Por isso 9 é a Iniciação, na espiritualidade.
9 gosta de oráculos, porque já olha para o futuro, embora não tenha se soltado do passado.

Energia abstrata, alguns vão para o intelecto superior, outros para a espiritualidade.
Mas em todos os casos, 9 favorece e estimula o estudo, leitura, busca de mais conhecimento e compreensão.

Alguns o associam com o planeta Marte, devido à agitação.
Outros lhe chamam de Caminho da Compaixão ou da Abnegação, devido à sua direção espiritual e abstrata.

Geralmente o que deve ir embora, se despede em períodos 9.
Não é bom agarrar pelos cabelos algo que está partindo nesse período, geralmente está no tempo certo.
Não corra atrás de algo que foge de você, não tente segurar o que não tem mais conserto, aproveite para deixar ir o que deve ir.
O que acontece no período 9 tende a durar indefinidamente.

É um bom momento para expandir o que já estiver em andamento, e também para ultrapassar fronteiras - fisicas, emocionais e mentais.
Para contato com pessoas distantes, ou que não se encontra há muito tempo.
Para intercâmbio cultural, contato com estrangeiros e costumes diferentes, para aprender idiomas e símbolos, para estudar religião ou filosofia.
Para mandar embora relacionamentos ou situações problemáticas.

É preciso lidar com a super sensibilidade.

O sucesso está muito perto.

Planeje coisas a longo prazo.
Mas só inicie efetivamente o que pode começar e terminar dentro do período 9.

Os positivos ficarão muito carismáticos, e os negativos sofrerão de solidão.
Se sentir solidão, não se feche, faça o contrário: busque companhia.
A tendência de se isolar dessa energia leva à solidão crônica, uma vida de eremita, onde o sucesso espiritual é possível, mas o físico, emocional e financeiro não.

Cuidado com devaneio, delírio, ilusões, empolgação exagerada, pressa, impulsividade, exibicionismo, ingenuidade, depressão, pessimismo.

Os egoístas não terão sucesso com a energia 9, pois sua direção é para fora, para compartilhar, distribuir, dar e receber, é uma energia generosa.

É um mês de muita atividade pública, com pessoas se sobressaindo (líderes, gurus, políticos, etc), mais público nos eventos.

Os relacionamentos são baseados em afinidade física e mental.

Tendência de negligenciar a saúde.

Financeiramente, se parece com o 7, que deve seguir sua vocação, porém 9 é mais público do que 7. Na energia 9 é possível unir a busca pelo lucro com a vocação.

As energias adicionais são 4 vezes 9 e 4 vezes 0.
É um mês de tudo ou nada, 8 ou 80, ou seja, de extremos.
0 como desafio, já citei em textos de meses anteriores, é o desafio que nos dá maior liberdade, inclusive de não ter nenhum desafio, porque depende de nosso comportamento, pensamento e emoções, mas também pode acontecer todos os desafios.
9 como energia adicional quatro vezes, intensifica ainda mais o que já escrevi aqui: um mês agitado, carregado de emoções, mentalmente super ativo, o tempo passa voando.

Com 9 tão forte, também há tendência à distração, e com isso, acidentes.
Portanto, cuidado.

A soma 18 volta ao 9 (Mês 9 + Ano 9), só aumenta a força da enegia 9 durante o mês de setembro.

18 não é cármico, simboliza a inteligência (1) agindo em transformação (8), direcionando emoções (8) e dinheiro (8).
Portanto, manter o foco, atenção e concentração nesse mês.

18 leva ao Arcano A Lua no Tarô, símbolo de muitas coisas, a principal delas é transcender a ilusão da matéria e dos condicionamentos passados.
Nesse Arcanos, caminhamos sobre a água (emoções), precisamos passar pelo caranguejo (nosso passado que morde o nosso pé), pelo cão (o instinto conhecido) e pelo lobo (a parte instintiva não domesticada), e finalmente pelas torres ao fundo (construções humanas do intelecto que nos iludem).
Seu caminho é tranquilo quando dominamos as emoções, mas instável, inseguro, cheio de medos e pesadelos quando nos deixamos comandar pelo emocional ou pelo mental.
A travessia da Lua é o enfrentamento do medo e das ilusões.
Quando passamos por esse Arcano, adquirimos sabedoria e compreensão do mundo invisível, e alcançamos o Arcano do Sol, pleno de realizações e felicidade.

Outra coisa importante no Arcano da Lua é sua capacidade fertilizadora: aumenta e cresce tudo o que toca, simboliza gravidez e fertilidade.
Nisso o 9 se assemelha, pois também simboliza gravidez: o crescimento interno da energia feminina fertilizada, que na próxima etapa dará a luz a um novo ciclo.

Para personalizar essas previsões, veja os textos Meses Pessoais, Ano Pessoal, Número do Destino, ou consulte um(a) numerólogo(a).

Namastê.

Luas de setembro, 2016 (fases, signos, declinações e fora de curso)

Luas setembro, 2016 (fases, signos, declinações e fora de curso)

FASES

01.09.2016, quinta-feira, 06:03:06 h Lua NOVA de VIRGEM : Eclipse Anular SOL
Sol e Lua 09°21'11" Virgem casa 1
Ascendente 25° Leão, Meio do Céu 7° Gêmeos

09.09.2016, sexta-feira, 08:48:5 2h Lua Crescente
Sol 17°13'27" Virgem casa 11, Lua 17°13'27" Sagitário casa 2
Ascendente 5° Escorpião, Meio do Céu 23° Câncer

16.09.2015, sexta-feira, 16:05:05 h Lua CHEIA - Eclipse Penumbral LUA
Sol 24°19'56" Virgem asa 8, Lua 24°19'56" Peixes casa 2
Ascendente 26° Aquário, Meio do Céu 23° Escorpião

23.09.2016, sexta-feira, 06:56:03 h Lua Minguante
Sol 00°47'55" Libra casa 12, Lua 00°47'55" Câncer casa 9
Ascendente 15° Libra, Meio do Céu 9° Câncer

30.09.2016, sexta-feira, 23:11:22 h Lua NOVA de LIBRA
Sol e Lua 08°15'04" Libra casa 5
Ascendente 14° Touro, Meio do Céu 19° Aquário

SIGNOS e declinações

02.09.2016 21:55:23 h Libra
03.09.2016 06:52:11 h Lua 0 Sul
05.09.2016 09:38:22 h Escorpião
07.09.2016 22:19:40 h Sagitário
10.09.2016 09:54:37 h Capricórnio
10.09.2016 12:14:34 h Lua máximo Sul
12.09.2016 18:28:30 h Aquário
14.09.2016 23:22:54 h Peixes
17.09.2016 01:22:14 h Áries
17.09.2016 08:45:36 h Lua 0 Norte
19.09.2016 01:58:02 h Touro
21.09.2016 02:52:51 h Gêmeos
23.09.2016 05:33:08 h Câncer
23.09.2016 07:15:39 h Lua máximo Norte
25.09.2016 10:48:08 h Leão
27.09.2016 18:42:46 h Virgem
30.09.2016 04:52:22 h Libra
30.09.2016 13:45:52 h Lua 0 Sul

FORA DE CURSO

02.09.2016 19:13 h - 02.09.2016 21:55 h
04.09.2016 21:30 h - 05.09.2016 9:38 h
07.09.2016 21:43 h - 07.09.2016 22:20 h
09.09.2016 21:51 h - 10.09.2016 9:55 h
12.09.2016 7:00 h - 12.09.2016 18:28 h
14.09.2016 12:31 h - 14.09.2016 23:23 h
16.09.2016 16:05 h - 17.09.2016 1:22 h
18.09.2016 17:11 h - 19.09.2016 1:58 h
21.09.2016 0:32 h - 21.09.2016 2:53 h
23.09.2016 4:57 h - 23.09.2016 5:33 h
24.09.2016 22:42 h - 25.09.2016 10:48 h
27.09.2016 5:52 h - 27.09.2016 18:43 h
29.09.2016 7:05 h - 30.09.2016 4:52 h


Namastê.

terça-feira, 16 de agosto de 2016

conjunção de Marte com Saturno em 24 de agosto, 2016


"A Lua Cheia brilha num céu limpo, iluminando na Terra um rastro de moedas de ouro, de prata e de chumbo.
(grau simbólico)

A conjunção de Marte com Saturno acontece no dia 24/08/2016 às 8:26 h a 9°52' Sagitário:

É um ciclo de 2 anos.
A conjunção anterior aconteceu em 25/08/2014 a 17° Escorpião, e a próxima em 02/08/2018 às 12:44 h a 8°57' Capricórnio.

Esses dois planetas fortes marcam momentos importantes cada vez que se unem ou formam aspectos entre si.

Os antigos usavam o ciclo de Marte/Saturno para prever as guerras.

No passado eram chamados de Grande Maléfico (Saturno, frio demais) e Pequeno Maléfico (Marte, quente demais) e, apesar de seu potencial para causar danos, juntos são mais do que isso: Saturno como limitador, regula e concentra a energia de Marte.

A conjunção se manifesta como energia focada e disciplinada, frustrada, ou desafiadora e cruel, conforme o nível evolutivo de quem a experimenta.
É como se o general e o soldado estivessem unidos.
Nem sempre estão unidos para fazer guerras, podem estar fazendo exercícios, podem estar em uma parada militar com demonstrações, podem estar terminando uma guerra e elaborando as regras da paz, podem estar voltando ao lar após uma vitória, podem estar indo para a prisão após uma derrota, etc
A imagem do general e o soldado juntos é o símbolo da organização e concentração ao máximo.

É um momento de grande força, que bem utilizada move montanhas, e mal usada causa guerras.

Penso que a conjunção anterior (2014) foi muito desafiadora, com Marte/Saturno conjuntos ao Meio do Céu na Lua Nova, no signo de Escorpião.

Na conjunção de hoje há desafios, mas Marte e Saturno estão em uma casa cadente, e na Lua Minguante.

Em Sagitário a tônica do ciclo será a busca da verdade, da clareza e da ordem, ao contrário do que foi em Escorpião. Mas também não é suave.


A conjunção de Escorpião (2014) estava desafiada por Júpter, adicionando exageros, abusos e arrogância ao seu simbolismo já desafiador por si mesmo.

Na conjunção atual, em Sagitário, o desafio é com Netuno, que traz confusão, mentira x verdade,
e com os Nodos: dificuldade para seguir em uma direção, esforço excessivo para manter o caminho, muitas mudanças de objetivo.

Marte e Saturno levam aproximadamente 30 anos para fazer a conjunção no mesmo signo:
a conjunção anterior de Sagitário aconteceu em 17/02/1986 e a próxima será em 03/10/2046.

A conjunção de 2012 (15/08/2012) em Libra teve Saturno exaltado e Marte exilado, portanto domínio de Saturno:

A de 2014 (25/08/2014) em Escorpião teve Marte em domicílio noturno, dominando Saturno, os dois regidos por Plutão que estava também em Recepção Mútua com Saturno:

Penso que foi a mais tensa.
Em Escorpião a tendência mais bélica, a energia focou em armas, conflitos e guerras, além de recursos para sobrevivência e lutas de poder.

O que podemos esperar desse ciclo?

Em Sagitário, podemos esperar como questões mais importantes o relacionamento com culturas estrangeiras, fortes debates sobre Leis, religiões, costumes e educação formal.
Sagitário é o signo que estabelece as regras. Capricórnio as executa.

Vem após Escorpião - os grandes conflitos e o mergulho interior, as experiências dramáticas que levam aos limites do suportável, questões de sobrevivência.

Após traumáticas experiências, Sagitário teoricamente está maduro para estabelecer regras, leis e comportamentos.
Usei a palavra teoricamente porque nem todas as pessoas que passam pelas intensas experiências de Escorpião aproveitam a experiência e conseguem sair mais maduras para elaborar regras baseadas no bom senso - isso depende muito do nível de evolução ao entrar, e da capacidade de assimilação e compreensão ao sair.
Muitas vezes acontece de os potenciais não serem totalmente explorados ou compreendidos, gerando mais medo;
em outras acontece de cruzar limites suportáveis causando traumas que enquanto não forem trabalhados e superados não lhes permitirão avançar;
também acontece de ficar na superficialidade lidando apenas com a parte desagradável e encarando a experiência como castigo dos deuses ou jogando a culpa de tudo nas pessoas que participaram do acontecimento.

A conjunção de Marte/Saturno em Escorpião sempre deixa mais uma marca.

No signo de Libra tomamos uma decisão importante: vamos para a frente encarar Escorpião ou voltamos ao passado, para Virgem - e aí ficaremos nos aperfeiçoando nos mínimos detalhes por um longo tempo, até perceber que a vida andou e poderíamos estar mais adiantados.
Essa é a mais importante decisão do signo de Libra - um signo Cardinal que dá uma nova direção.
Tivemos a oportunidade de nos posicionar nas conjunções anteriores (15/08/2012 em Libra e 31/07/2010 também em Libra).

Seja qual for a decisão, ela pôde ser revista durante o ciclo de Escorpião (conj de 25/08/2014), mas em Sagitário avançaremos pela direção escolhida.
No mapa da conjunção, Saturno está na casa 3, regendo as casas 4 (sozinho) e 5 (junto com Urano), e Marte também na casa 3 rege as casas 7 (sozinho) e 2 (junto com Plutão) - ambos regidos por Júpter, na casa 12 no final de Virgem.
Vênus rege o mapa.
Mercúrio em domicílio é dispositor de todos, menos de Netuno.
O mais forte é Mercúrio, mas não atua com sua força total na casa 12, seu exílio.
O mais bem colocado, e portanto influente, é Plutão.

Plutão está com aspectos benéficos, em trígono com o Nodo Norte e sextil com o Nodo Sul, deve atuar como mediador e canalizador para uma nova direção, que deve ser apontada pelo povo, vindo de dentro para fora, e de baixo para cima.

Assuntos mais importantes desse ciclo: busca da verdade, educação, religião, costumes da sociedade, símbolos, bandeiras, culturas, estrangeiros, leis, esportes, dança, viagens, comércio exterior (importação e exportação), fronteiras, meios de transporte, aviões, caminhões, barcos grandes, colégios e faculdades, políticos, comunicações, competições, grandes descobertas, filosofia, os intelectuais, especialistas, autodidatas, jornalistas, advogados, generais, atletas, professores e alunos, conferencistas, padres, pastores, sacerdotes, tradutores, poliglotas, esoterismo, astrologia, ciências ocultas, oráculos, assessores do rei, primeiro-ministro, presidente dos deputados ou senadores, os legisladores, juízes, fiscais, as comunidades, profetas, portadores de mensagens mundiais, os jogos de azar, jogos de esporte, humoristas, os idealistas, os viajantes, turistas, alpinistas, os locais amplos (igrejas, estádios, campos militares, aeroportos, etc).

qualidades sagitarianas: honestidade, espontaneidade, bom humor, generosidade, tolerância, lealdade, idealismo, nobreza, otimismo, espiritualidade, dom de profetizar e prever o futuro, entusiasmo, iniciativa pessoal, capacidade de liderança, independência, bondade, gosto pelo estudo, capacidade de síntese, sorte, capacidade de fazer crescer e aumentar, bom relacionamento com as pessoas, camaradagem, companheirismo.

defeitos sagitarianos: rigidez, impaciência, arrogância, intolerância, preconceitos, autoritarismo, dono da verdade, brutalidade, desperdício de energias, gula, inconsequência, irresponsabilidade, deboche, ousadia, falta de respeito, atrevimento, impulsividade agressiva, agitação, vícios principalmente comida e bebida, excessos de todos os tipos, descontrole.

A conjunção na casa 3 indica que esse é o ciclo das comunicações, do comércio exterior e intercâmbio com países próximos.

A tendência para os próximos 2 anos é a tentativa de reformas na educação, na política e nas leis.
Incentivo ao comércio, vida agitada, intercâmbio, muitas viagens.


Comunicações em alta, tanto positiva como negativamente: tendência da internet alcançar cada vez locais mais distantes e aproximar mais as pessoas, as informações ficam mais fáceis e rápidas, mas também há a tendência negativa de manipulações e mentiras nas mídias e nas informações devido à quadratura com Netuno.

Possibilidade de guerra em país próximo que faz fronteira contra um país de outro continente, ou extrema dificuldade de entendimento entre esses.
Locais sensíveis: a Leste, Sul e Oeste (em ordem decrescente).


A questão dos estrangeiros também é um assunto que será muito discutido, com dificuldade para se chegar a um senso comum.

Paralelo a isso, também estarão fortes as questões de religião e costumes, com necessidade de se trabalhar muito a boa convivência entre costumes, religiões e raças diferentes.

Esse debate tende a acirrar e ir a extremos, não apenas por um, mas por vários segmentos - daí a necessidade de se buscar uma verdadeira justiça, um ponto comum que estabeleça o máximo de harmonia e convivência equilibrada entre opostos e divergentes, não excluindo nenhum - reforçado pelo Ascendente em Libra.
A busca da verdade unida com a busca do equilíbrio.

Sagitário tem como um de seus defeitos o exagero e a desproporção em grande tamanho, e Júpter, seu regente, no seu exílio em Virgem, portanto fraco, atua de maneira contrária à sua natureza generosa: discrimina, segrega, exclui, critica demais e tolera pouco.

O trígono de Júpter exilado com a Lua exaltada em Touro ameniza um pouco a intolerância, já que a Lua nesse signo simboliza uma Mãe Nutridora e aconchegante, que ama suas crias incluindo aí suas diferenças, dá a esperança de uma boa solução nesse sentido.
A influência da Lua exaltada sobre Júpter em Virgem pode direcionar as energias críticas e discriminadoras para as características positivas de Virgem (cuidar, prover boas condições de vida e de saúde, fazer funcionar).
Mesmo em casas problemáticas e "mudas" (12 e 8) essa influência deve ser fortemente sentida, embora de uma maneira não objetiva, mas subjetiva nas entrelinhas dos acontecimentos, e também dá uma direção diferente, uma vez que a Lua é regente do Meio do Céu.
Mesmo que nesse caminho haja percursos tensos.

No período até a oposição (maio/2017) os assuntos de Marte prevalecem, e após isso prevalecem os de Saturno, até o novo ciclo da próxima conjunção em abril/2018, no signo de Capricórnio.
Os assuntos se desenvolvem até maio/2017 e depois Saturno cobra a conta dos excessos, se for o caso, ou recompensa o esforço e estabiliza as conquistas.
Portanto a primeira parte do ciclo é de desafios e propostas novas, e a segunda é de conquistas ou de cobrar a conta dos excessos.

Possibilidade de o país melhorar economicamente, caso o crescimento até maio/2017 seja modesto.
Se houver um pequeno crescimento até esse período é mais provável que no segundo período do ciclo o crescimento continue, e se estabilize.
Mas se houver grande crescimento, tipo um salto, e muito fácil, Saturno cobra a conta e a tendência é de cortes dramáticos.

O governo atua de maneira discreta, oculta e longe dos holofotes.

A mídia em agitação constante, possivelmente mais escândalos.

Há uma pequena melhora para a população, mas a instabilidade ainda está presente.

Muitas pessoas buscando vida melhor fora do país.

Um dos grandes problemas do período é a eficiência técnica dos serviços públicos em geral, principalmente na Saúde. Alguns avanços e melhoras acontecem aí, mas insuficientes.

O transporte de passageiros e de cargas com muitos problemas a solucionar, ou acidentes.

Hospitais, presídios, marginalidade, pobres, aposentados e desempregados exigirão atenção especial, serão assuntos constantes nas manchetes dos jornais, levando os governantes a dar um olhar especial por aí.
O povo, de maneira geral, estará cobrando respostas imediatas a esses problemas, e o governo precisará fazer ajustes para isso, dar alguma resposta satisfatória, ou amenizadora.

Possivelmente, além dos escândalos, os protestos também continuem acontecendo, no mínimo até o meio do ciclo, por volta de maio/2017.

Estrela Antares: Marte/Saturno estão em conjunção com a estrela Antares, "o coração do Escorpião".
Essa estrela contribui com espírito de aventura, perdas ou ganhos repentinos geralmente acompanhados de muita luta, ambição exagerada que pode causar a própria destruição se não for controlada.
Traz poder e honras, mas nem sempre suas riquezas e honras dão satisfação.
Afeta a visão.
Vários casamentos e separações, violência, desconfiança.
Natureza de Marte e Júpter, é considerada afortunada e desafortunada ao mesmo tempo.
É uma estrela gigante vermelha, muito maior do que o nosso Sol.
Seu nome, Antares, significa "a rival de Ares".
Pela linha dos persas, é uma das 4 guardiãs do céu, Portão Oeste.
Traz muito sucesso, principalmente social, perseverança, glórias, grandes ambições, grandeza de alma e busca por justiça, mente aberta.
Se negativa, traz imprevistos que mudam a vida para pior, excesso de liberalidade, voracidade, obstinação, destrutiva e autodestrutiva.
A natureza bélica e marcial dessa estrela é uma possibilidade de guerras.
É possível controlar sua natureza. Não fácil, mas possível.

O Grau Simbólico dessa conjunção é "A Lua Cheia brilha num céu limpo, iluminando na Terra um rastro de moedas de ouro, de prata e de chumbo."



Namastê.