...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

sábado, 31 de dezembro de 2011

2012 astrológico: aquariano, com Saturno

O planeta dominante é Saturno. O ano é aquariano.
2012: ano astrológico de Aquário e Saturno

É um ano de aprendizado, mais do que de mudanças.
O Ano Astrológico inicia com a entrada do Sol em Áries, em 20 de março de 2012, terça-feira, às 2:14h em Porto Alegre e arredores.
O Ascendente é Aquário e o Meio do Céu em Libra, com a presença de Saturno.
Sol está na casa 3, em conjunção com Mercúrio e Urano.
A Lua, Minguante, está em Peixes, na casa 2, em conjunção com Netuno.

2012 tem algumas mudanças, mas as maiores mudanças serão para 2013.
Em 2012 ainda temos os desafios das lutas pelo poder, o acúmulo exagerado, o consumismo, o egoísmo, vou parar por aí.

A fase crescente do ciclo Urano-Plutão ainda está no clímax e essa quadratura nos desafia a mudar, renovar. Mudar a estrutura, mudar o interior, mudar de dentro para fora.

Através da política vemos que os governos estão sendo obrigados a mudar, seja por conflitos externos, seja pelos internos, seja pela consequência de ações passadas.
Pudemos constatar em 2010 e 2011 que essa luta de poder até trouxe a libertação de algumas ditaduras, mas os povos continuam sem assistência, e a corrupção ainda anda a solta.
Não sou de nenhum partido político e nem pretendo. Mas é esse o local onde mais se materializam os aspectos no céu, porque essas pessoas que foram eleitas (e os ditadores também) decidem a vida dos seus povos.

Essa derrubada de chefes de estado em vários países, de ministros por aqui, etc, vai continuar ainda mais um pouco.
Plutão em Capricórnio está remexendo todo o tipo de estrutura e cavocando o passado.
Com o desafio de Urano (estão na fase crescente do ciclo) há uma ânsia, uma verdadeira necessidade de fazer as coisas diferente.

A Terra também está sendo remexida, por baixo, de dentro para fora, seja pelos tremores, erupções vulcânicas, desabamentos; é uma forma de protesto do planeta contra tanta perfuração, poluição, desmatamento. É uma forma que o planeta tem de voltar ao equilíbrio, pois só tiramos e tiramos, e em troca devolvemos sujeira. Por onde a humanidade passa, a natureza acaba.
E a Terra, generosa, volta a dar seus frutos, cede seus minerais, assistindo calada o devastamento.
Quando há seca em algum lugar, há enchente no outro. Isso é a busca do equilíbrio da Natureza. O ideal seria o clima harmonioso, mas quando agredimos a natureza, ela busca se curar. Para o nosso bem. Para que o planeta sobreviva.

Nós da plebe, pobres mortais, sentimos esse desafio a nível pessoal com a mudança de estruturas e hierarquias em nossa vida.
É o momento de questionar o que ainda é válido em nosso passado e seguir em frente.
É o momento de usar o passado como um maravilhoso professor, mas buscar novas experiências. Deixar o "colinho da mamãe" porque já podemos caminhar por nós mesmos. Isso não signifca "brigar com mamãe" mas caminhar lado a lado, fazer escolhas independentes e ousar sobreviver apesar de tudo. Esse é o desafio de Urano em Áries quadrando Plutão em Capricórnio.

A Lua em Peixes conjunta a Netuno torna as pessoais ultra sensíveis, à flor da pele.
É algo muito importante esse ano: respeitar a sensibilidade alheia, e a sua própria principalmente.

Com licença, Obrigado e Desculpe são as palavras mágicas mais importantes do ano. Um Bom Dia e um sorriso podem fazer muita diferença para quem recebe (vai saber o que o outro passou ontem..) e desarmar um conflito antes que ele aconteça.

Antes disso, a nossa própria sensibilidade deve ser respeitada.
E não falo de alimentar xiliques ou manhas (isso é assunto prá terapia), mas de se preservar de situações desagradáveis, de reservar alguns momentos do dia para si mesmo, de ter uma rotina o mais saudável possível, de deixar se manifestar a nossa parte intuitiva e a nossa parte criança em ambientes onde isso seja bem aceito, ou na solidão, caso não seja possível.

Precisamos da matéria e do racional para sobreviver, e mais ainda: para viver bem no mundo. Precisamos lutar, nos esforçar, ser disciplinados, trabalhar, estudar, dar conta de nossos afazeres. Mas se desconectamos de nossa sensibilidade viramos robôs. Pois é essa parte de nós que nos permite aproveitar no verdadeiro sentido da palavra, a beleza da vida.
É isso que permite que algumas pessoas sejam felizes, e outras nem tanto.

Escutar, prestar atenção, dar importância à nossa sensibilidade faz essa diferença.

A Lua em Peixes é puro sentimento.
Se costumamos prestar atenção a nós mesmos, podemos tranquilamente diferenciar uma necessidade de um xilique.
Mas se estamos desconectados.. bem, então o lado negro de Peixes se manifesta: caos, vícios, fugas, drogas, delírios, coisas materiais jogadas pela janela, vou parar por aí.

A Lua do ano direciona para a sensibilidade, a espiritualidade, a assistência aos que precisam, às demonstrações afetivas, os insights, à cura e ao perdão.

O Grande Trígono em Terra está nas casas de Água.
Isso é muito fértil!
Anuncia muita produtividade, materialização dos objetivos pelo esforço próprio, boa disposição para trabalhar e conexão consigo mesmo.
A energia flui com poucos obstáculos.

Júpter em Touro protege as finanças, mas aumenta a ganância.
Em Gêmeos, a partir de 12/06, favorece as comunicações e todo o tipo de estudo. Ainda favorece os jovens e o trânsito.
Junho deve ser tenso porque as comunicações estarão confusas. Depois passa.

Saturno em Libra continua implorando por equilíbrio, paciência, harmonia e bom entendimento entre as pessoas.
Em 06/10, quando entra em Escorpião vai agir em conjunto com Plutão, cortando os excessos e o supérfluo, focando no que é essencial.


Análise Geral
O ano é voltado principalmente para as comunicações (Sol, Mercúrio e Plutão na 3) e a educação primária.

O trânsito de veículos nas grandes cidades exigirá uma solução, já que os engarrafamentos e transtornos tendem a aumentar.

A mídia estará em alta, cheios de assunto e faturando muito.

Há bastante investimento nesses setores (comunicações, mídia, trânsito, carros e educação primária).

As lutas de poder diminuem um pouco, mas ainda não terminaram.
Mesmo assim, deve ser um ano mais fácil do que 2011, pois a presença de um Grande Trígono em Terra (Plutão, Júpter e Marte) traz uma espécie de "proteção" nas calamidades.

O Grande Trígono em Terra prediz muita realização material, produtividade e até mesmo abundância, mas não assegura nenhuma distribuição melhor da renda. Provavelmente alguns terão muito progresso, e outros terão aumento no Bolsa Família.

Falando nisso, as finanças são fonte de disputa novamente (alguma novidade?) e o povo  estará bastante irritado com isso.

Hospitais e presídios terão um pouco mais de assistência, mas ainda assim haverá alguma crise ou escândalo nesse setor.

A agricultura está favorecida, mesmo com os imprevistos climáticos, e deve crescer. Mas os movimentos sociais pela redistribuição das terras fará muitos protestos.

O governo se projetará por sua atitude firme, e também pelo auxílio aos carentes. Os trabalhadores das classes mais baixas também receberão algum benefício mas ou o benefício não vai resolver, ou haverá falta de emprego.

Astrometeorologia: Muita chuva. Oscilação grande de temperatura, tendência ao frio, mas com alguns dias escaldantes. Durante o ano continuam os tremores na terra e as tempestades com raios e vento, rápidas, súbitas e fortes. O Grande Trígono envolvendo Júpter é sinal de alguma proteção. Quem sabe esses fenômenos climáticos aconteçam longe das populações.

Concluindo, quem conseguir aproveitar vai aprender muita coisa nova em 2012.
Assim como a Terra está buscando retornar ao equilíbrio, nós, como parte desse organismo, fluímos junto e nos harmonizamos também.
Não é algo fácil, pois exige atenção constante. Não é um equilíbrio estático (ver mais no "Mês de Libra"), é como dançar enquanto mantemos no nível os dois pratos da balança.

Pode ser muito divertido. Então, música, vamos lá!

Namastê.


2012: Lua na regência cabalística

Lua, a Rainha da Noite

Regência cabalística de 2012
 
A Lua não é um planeta, mas um satélite da Terra.
Para os astrólogos, um dos "astros".

Vista da Lua, a Terra é azul.
Os ritmos da Lua refletem sobre as marés, o crescimento dos vegetais, a reprodução dos animais, o psiquismo do ser humano, o clima, e muitas outras coisas.

Em Astrologia, a Lua é a nossa fonte, a nossa origem, a raiz. De onde viemos. A hereditariedade. A maternidade, a base da vida e primeira infância. O Sol cria, mas é a Lua que dá a forma.

Representa o princípio Feminino, passivo, negativo, Yin.
O inconsciente, o sono, os sonhos, as emoções, os instintos, a memória, a alma, a mãe.
A instabilidade, a sensibilidade, o instinto maternal, a intuição, os pressentimentos, as fantasias, a preguiça, as manhas e manifestações infantis, a mediunidade, a clarividência, os delírios, a loucura.

Também representa as nossas necessidades emocionais, como nos sentimos seguros, qual o tipo de ambiente que preferimos.

Simboliza:
as mulheres, principalmente a mãe. A esposa, crianças, bebês, filhos, a multidão, o povo, marinheiros, pescadores, pessoas que trabalham com líquidos (perfumes, água, etc), bêbados. A alma.

Personagem:
mãe, esposa, rainha, irmã mais velha.

Idade:
a infância.

Profissões:
todas as que "cuidam", conservam ou educam. Todas as que usam a imaginação, o artesanato, o público, as crianças e os líquidos. Os que trabalham à noite. Os bruxos.

Lugares:
locais públicos, próximos de água, poços, rios, banhos, a pátria, o útero, o berço, o quarto, o túmulo.

Positivo:
imaginação, sensibilidade, intuição, docilidade, instinto maternal, boa memória. Clarividência, clariaudiência, premonições. Popularidade, comércio. Viagens. Mudanças. Coisas muito novas ou muito velhas. A família, o lar. A vida interior. A vida íntima.

Negativo:
instabilidade, insegurança, medo. Delírios, loucura. Preguiça. Timidez. Inconstância. Passividade. Vive no mundo dos sonhos. Medo de se mostrar, não quer sair do útero, não quer crescer. Apego excessivo, dependência.

Elemento:
Água.

Metal:
Prata.

Plantas:
da água (lírios d'água, lótus, vitória-régia, etc)

Pedras:
pedra da lua e pérola.

Cores:
claras e pálidas, branco, como as da Lua vista da Terra.

Partes do corpo:
estômago, peito, seios, aura. Os líquidos do corpo, lágrimas, mucosas, secreções, menstruação, sistema linfático. Sistema nervoso. Sistema digestivo. Fertilidade. Útero.

Doenças: vômitos, vertigem, epilepsia, problemas digestivos, miopia, tumores, catarros, histeria, sonabulismo.

Posição no mapa astral:
mostra a nossa infância, os condicionamentos, as emoções inconscientes (que estão desde cedo dentro de nós), o comportamento automático e instintivo, as mudanças de humor, a capacidade de reprodução, a alma (o que trouxemos do passado de bom ou ruim), o sentimento de nacionalidade, pátria, raça, origem ou raiz, o sentimento de pertencer. A imagem que temos de nossa mãe. O vínculo com a família. A hereditariedade, os ancestrais. Na mulher, mostra o tipo de mãe e esposa que será. No homem, mostra o tipo de esposa que procura e também a imagem da mãe.
Como nos seus mitos, a Lua abre a porta da consciência para os planetas transpessoais (Urano, Netuno e Plutão).

Mito:
na hierarquia dos deuses, é a mais importante depois do Sol.
A Lua regia a fertilidade como a Grande Deusa, ou a Deusa Tripla (Artemis-Lua Crescente, Selene-Lua Cheia e Hécate-Lua Minguante e Lua Nova).
As deusas lunares se desdobravam em deusas na Terra (Gaia, mãe de Zeus, Perséfone e Deméter).

Artemis(grega)


era a donzela virgem, selvagem e caçadora, soberana dos animais não domesticados e irmã de Apolo, o deus Sol. Pura e casta. Era protetora das mulheres e do parto, governava a fertilidade, e era chamada de "aquela que abre o útero". Irmã gêmea do Sol, nasceu primeiro e ajudou no parto do irmão, pois eram filhos de Zeus com uma mortal, e Hera lançou sua ira sobre eles, dificultando o parto. Veste uma túnica, tem arco com flechas de prata (doadas por seu pai, Zeus) e um cachorro a seu lado. Diana era a mesma, romana.

Selene 

(grega) era a deusa que amava. Todos as noites cruzava os céus conduzindo a Lua. Seguia seu irmão, o Sol, para tentar apanhar seus raios e refleti-los para a Terra. Em uma das noites, olhou para baixo e viu, dormindo nos montes, Endimião, um belo pastor. É claro, se apaixonou. Pior: ela o amou tanto que largou a Lua e foi dormir com ele. Ficou com ele por 3 noites, e a Lua não conseguiu pegar os raios do Sol, por isso ficou escura. O povo ficou com medo da Lua Negra, dizendo que ela trazia a morte. Zeus ficou furioso, mas a pedido de Selene fez com que Endimião dormisse para sempre, para não envelhecer e morrer. Desde então, Selene larga a Lua durante 3 dias do mês e vai para os braços do pastor. Ele, enquanto ela não vem, continua dormindo, e sonhando que estão abraçados. Para os romanos, Selene é Luna.
Antigamente, Selene representava todas as fases da Lua. É festejada no dia 07 de fevereiro.

Hécate (grega) 

significa "a distante". Morava nos infernos, mas nos 3 dias que Selene estava amando seu pastor, Hécate vinha à Terra com sua matilha de cachorros fantasmas e furiosos, e assustava as pessoas. É deusa da magia negra, ao contrário de Artemis, da magia branca. Os bruxos faziam oferendas no final da Lua Nova. Seus animais são pretos, de preferência cachorros. Representada com um corpo e 3 cabeças (a virgem, a mãe e a senhora), com 2 tochas nas mãos e serpentes enroladas no pescoço. Deusa tripla (lunar, infernal e marinha), dava proteção aos marinheiros. Conforme a pessoa olhava para a Lua, Hécate lhe dava visões ou loucura. Somente encarando a face escura de Hécate poderia se ter acesso aos tesouros do Submundo.

A essência das deusas virgens da Lua é encontrada em inúmeras religiões antigas. A palavra "virgem" não significava alguém que nunca tinha tido contato com o sexo, mas alguém "puro", portanto livre, que se submete somente à sua natureza interior. Virgem era alguém transformado pelo contato com a luz do Deus ou da Deusa.

Mas a carruagem da Lua ainda viaja pelo espaço. E quando se nega ou reprime a sua influência, suas mensagens vão para o interior do inconsciente, coletivo ou individual. Negar a sabedoria natural do sagrado feminino é uma burrice. É necessário entrar consciente no Reino da Lua, é necessário despertar.

Conforme essa regência, a Lua estará influenciando os signos em 2012:

Áries: (casa 4) família, lar, a casa. Origens. Os pais, ou avós. Propriedades. Vida ínterior. Relacionamentos íntimos. Formação ou dissolução de uma família. O sono e os sonhos.

Touro: (casa3) as comunicações, a maneira de pensar, o relacionamento com irmãos, primos, parentes próximos, vizinhos e colegas. Estudos. Mente lógica e racional. Cursos técnicos. Ensino primário. Trânsito, carro ou ônibus, telefone, internet.

Gêmeos: (casa 2) dinheiro, bens, como administra sua situação financeira, como ganha seu dinheiro e como o gasta. Valores, materiais, éticos e morais. Sobrevivência.

Câncer: (casa1) vitalidade, aparência, corpo físico. Personalidade. Autoimagem. Coisas novas.

Leão: (casa 12) espiritualidade Isolamento. Hospitais. Obstáculos e atrasos. Saúde psíquica e mental. Caridade.

Virgem: (casa 11) participação social. Relacionamento com grupos, clubes, partidos políticos, igrejas. Amizades. Protetores.

Libra: (casa 10) profissão, destino, status. Seu lugar no mundo, na sociedade. Vocação. Os pais. Chefes. Autoridades.

Escorpião: (casa 9) ideais, crenças, filosofia de vida. Religião. Estudos a nível de faculdade. Viagens. Contato com estrangeiro. Ambição. Objetivos de vida. Coisas diferentes da rotina.

Sagitário: (casa 8) partilhas ou sociedades financeiras, comerciais, lucrativas. Aplicação do dinheiro. Impostos e taxas. Sexualidade. Crises. Ocultismo. Cirurgias. O sono.

Capricórnio: (casa 7) parcerias, casamento, sociedade comercial, duplas, associações. Vida Social.

Aquário: (casa 6) cotidiano, vida profissional, o emprego, a ocupação, a rotina. Seu ritmo natural de trabalho. Capacidade física. Relacionamento com chefes, subordinados, colegas de trabalho. Animais de estimação. Saúde. Higiene. Cuidados com o corpo. Cursos técnicos.

Peixes: (casa 5) diversões, festas, romance. Filhos. Hobbies. Jogos. Apostas. Talentos. Criatividade. Prazeres. Sexualidade. Beleza.

 
Namastê.

Brasil em 2012

As mudanças acontecem, e vem de cima para baixo, numa tentativa de reorganizar e criar uma nova ordem.

As finanças continuam merecendo atenção especial.
Novas fontes de recursos a serem descobertas, mais dinheiro direcionado para a saúde , educação e serviços públicos.
Mas continua a dificuldade para quitar dívidas e o protesto pelos altos impostos. Falta dinheiro para as crises, as catástrofes e a fome.

A tecnologia e informática estão em alta. Está favorecido o comércio com países vizinhos ou próximos, as comunicações e o trânsito (terra, ar ou água).

A assistência social e filantrópica está em alta e são foco de muita atenção por parte do governo, e isso ameniza bastante as condições precárias do povo.
As prisões e os hospitais passam por mudanças e melhoras, mas ainda com muitos obstáculos a vencer.

O governo se projeta internacionalmente e, mesmo ainda com muitos escândalos chama a atenção por uma postura austera, disciplinada, inovadora, ousada e que busca a harmonia do conjunto. Mesmo assim, nem todas as relações internacionais são suaves e há bastante oposição declarada.

Retorno Solar

No último aniversário do país, 07/09/2011, o Ascendente é Escorpião e o Meio do Céu é Leão, que vale até 07/09/2012.
Mostra o ano de muitos conflitos, escândalos e mudanças, mas o governo com seus aliados políticos consegue manter sua estrutura.

O povo bastante dividido, uma parte satisfeita e outra nem tanto. Mal entendidos, fofocas e intrigas pedem uma melhora considerável nas comunicações e negociações, principalmente com o povo. A atitude de imposição não será bem aceita, e há necessidade de muita clareza.

Mesmo agitado, o Retorno Solar não indica mudanças. As transformações acontecem no interior, ainda invisíveis. Mas em geral a situação permance com pouca alteração visível para nós, da plebe.

No aniversário de 2012, em o Ascendente passa a ser Aquário e o Meio do Céu passa para Escorpião.

O governo mantém uma postura firme.

Os conflitos diminuem, mas não desaparecem.

O dinheiro flui um pouco melhor, mas ainda há a busca do equilíbrio, o que significa que ainda não será suficiente para harmonizar a distribuição de renda.

Falta investimentos para saúde e educação, e o povo fica muito insatisfeito por isso.

A dificuldade de emprego faz com que muita gente trabalhe por conta própria, e aqueles que podem, vão embora.

Os maiores problemas climáticos acontecem no Nordeste, Sudeste e Leste do país.

A assistência social continua em alta, mas apenas suaviza os problemas.

A agricultura, outro assunto que terá bastante atenção, continua sofrendo com os imprevistos climáticos e perdas, o que deve gerar alguma tensão.

Os impostos continuam altos.

A nível internacional, o país continua se projetando e aparecendo mais.

Não há mudanças grandes, mas uma tendência a administrar um pouco melhor as carências da nação, embora ainda estejamos muito longe de uma partilha justa das nossas imensas riquezas.


2012 numerológico para o Brasil

2012 é um Ano Universal 5.
Para o Brasil, um Ano 3.

Estão favorecidos: comunicação, estudos e transportes.
O público em evidência são os adolescentes, estudantes e professores.

Em destaque: as artes e a projeção social do governo.
Problemas: extravagância e gastos excessivos.

Os meses mais agitados e imprevisíveis são fevereiro e novembro.
Os mais parados são janeiro e outubro.

Novamente as finanças estão em destaque, o mínimo detalhe fará diferença entre ganhar ou perder muito.

A popularidade do governo aumenta e há mais comunicação com a população.

O início do ano será mais de planejamento e organização, e talvez reflexão sobre problemas passados.

O meio do ano é mais movimentado, com articulações, viagens e muita comunicação. Talvez algum investimento a mais em educação.

O final do ano é de inovação e implantação de novidades, o país exercerá um papel de liderança importante.

A virada do calendário

Na virada do calendário, à meia noite de 31/12 para 01/01/2012, o Sol está na casa 4 conjunto a Plutão, e a Lua em Áries na casa 7, crescendo e conjunta a Urano.

Mostra conflitos, competições, oposições, protestos e escândalos. Algumas intervenções muito benéficas propiciam "pausas", mas em geral é um ano cheio de obstáculos a vencer, que vai exigir bastante persistência, força de vontade e trabalho de todos.
Há conflitos com terras, propriedades, problemas com a agricultura e o ramo imobiliário durante o ano todo, mas também uma boa possibilidade de haver diálogo.

A distribuição da renda e das riquezas continua sendo uma das maiores tensões.
Os serviços públicos, principalmente a Saúde e a Educação devem melhorar um pouco.
As mulheres se mobilizam bastante e fazem muitos protestos e oposição ao governo e ao sistema.
Os esportes e as artes trazem algum benefício. O povo continua jogando muito na loteria.

No clima a tendência é de muita seca, grandes oscilações de frio e calor e possibilidade de tempestades, catástrofes, raios e ventos fortes (para nós, pois para a Natureza isso é uma limpeza e um reequilíbrio).

Os únicos bons aspectos envolvem o Meio do Céu e planetas sociais (Júpter e Saturno) e transpessoais (Netuno).
Interpreto isso como a necessidade de focar a energia mais no grupo do que no indivíduo. A saída para as dificuldades desse mapa está na fraternidade, cooperação, boa vontade. Aquela sensação de pertencer todos a uma única família, a consciência de que as mínimas ações repercutem em todos.

Sem a necessidade de se tornar um Buda em termos de desapego, a consciência de que a riqueza deve fluir, assim como o sangue deve circular, para que o conjunto esteja em harmonia.
A riqueza material e a outra também.

Afinal, aquelas palavras tão conhecidas "gentileza gera gentileza" farão a diferença.

Namastê.

2012: Ano do Sacerdote, no tarô



                    Milênio da Sacerdotisa (2)
                    Século do Louco (0)
            Década do Mago e do Enforcado (12)
                    Ano da Sacerdotisa (2)
                    Soma: O Sacerdote (5)
 
Ano de abertura espiritual.

Ano de muito trabalho mental, estudo, avanços científicos, discussões das leis.
Momento de serenar, mas de trabalhar muito e cumprir suas obrigações.
Os contatos e as conversas serão bem mais importantes.
É o momento de buscar reconciliação.
Também de se desapegar um pouco, e viver com o que é suficiente e essencial.
Favorece todo o estudo, de qualquer nível.
Cuidado para não se achar o dono da verdade.

O ano do Sacerdote favorece as leis, o casamento e a regularização de situações (casa ou separa).
É mais abstrato do que prático (2011 foi do Imperador, mais prático).

A energia dominante é de comunicação.
O Sacerdote tem a missão de transmitir alguma verdade.
As forças materiais lhe obedecem, mas ele não está centrado no material.
Simboliza a lei divina, que desce até nós e se revela.
Para se beneficiar dessa energia, a pessoa precisa ter serenidade e fé.

As religiões e as crenças estão em alta, e a ciência também. Na carta do Sacerdote elas caminham juntas. No nosso mundo, nem sempre.

Há exigência rigorosa no cumprimento do dever, mas não é uma energia dura, é uma energia de perdão, conciliação e solução.
As leis são muito discutidas.

Pode ser o momento de revelação de uma vocação, um talento pessoal.
O ensino, os professores, os colégios, cursos e faculdades.

Seu problema é ser ortodoxo e tradicional demais, dogmático e sectário, escravo das próprias idéias.
Nesse sentido há possibilidade de muita rixa política e religiosa.

Representa todos os líderes: políticos, religiosos, familiares, empresários, líderes da comunidade, enfim, todos os que detém alguma autoridade.

Representa as comunicações, todas.
A mediunidade, as revelações.
Os comunicadores, a internet, os jornais, os telefones, o marketing, as discussões, os estudos, as conversas, o aprendizado, as fofocas, as informações.

Representa as pessoas idosas e os jovens.
Os juízes, advogados, professores, médicos, religiosos, cientistas e comunicadores.

2012 é o 32@ ano do atual ciclo Solar (que iniciou em 1981).
Os Arcanos cabalísticos são:

32 - corresponde ao 6 de Paus, que significa atrasos, embaraços, obstáculos e indecisão. Para ter sucesso é necessário bastante perseverança, força de vontade e firmeza.
Cuidado para não ficar preso no passado, procure viver o momento presente e não se acomode.

12 - corresponde ao Enforcado, que significa sacrifício.  O mundo espiritual lhe é aberto, mas o material está fadado a enganos, atrasos, ingratidão, ilusões e perda de energia. O progresso e a paz acontecem com sacrifícios e muito esforço, e somente após o perdão.
É um Arcano de Iniciação, de mudança de um estado para o outro. Mas durante o processo há uma longa espera, e é uma transição penosa.
Cuidado com a apatia, acomodação, preguiça, indecisão, dúvidas e falsidade.
Seu significado mais positivo é abstrato: mudanças na maneira de ser ou de viver, iniciação, renascimento, desapego, espiritualidade, revelações, autoconhecimento.

44 - corresponde ao 4 de Copas, que significa alegrias, e amores duráveis. Realização dos desejos, encontro com amigos. Boa relação com os parentes e com a família.
Cuidado com ciúme, possessividade, tentativa de dominar o outro e reter a pessoa so para si. Favorece uma reavaliação.


O Sacerdote anuncia muitas novidades, com suas revelações.
Mas seu gesto pede paz e silêncio.

Namastê.

2012: Dragão ou Porco?

Para o hemisfério Norte, Dragão de Água Positivo.

Para o hemisfério Sul, Porco (Javali) de Fogo Negativo.

 
No hemisfério Norte, o ano inicia em 23 de janeiro de 2012, às 5:40 hor. verão.

No hemisfério Sul, em 17 de agosto de 2012, às 12:55h.

Para quem segue o hemisfério Norte: (Dragão de Água Positivo)

Dragão é ano de muita festa e sorte.
Considerado um ano muito especial, onde tudo o que começa tende a ser duradouro.
Muito dinâmico, é bom para o trabalho e o progresso.
Ano de muita liberdade. Também de muita paz.
Ano entusiasmado, mas de altos e baixos.
Também tendência a se distrair fácil, desperdiçar energias.
Muita sensibilidade, se magoa fácil.
Camarada, leal, sincero, um pouco ingênuo.
O Dragão aumenta tudo, portando as coisas boas e ruins devem ser em grande escala.
Vigie seus pensamentos.


Para quem segue o hemisfério Sul: (Porco, ou Javali de Fogo Negativo)

Porco é ano de pensar em dinheiro.
Favorece os negócios, o trabalho, o progresso, a fartura. Mas seu defeito é a preguiça, daí não tem prosperidade.
Muita sensibilidade, generosidade.
Muita festa e diversão, clima de euforia.
Cuidado com as extravagâncias.
Atitude calma e tranquila nas crises, o que facilita bastante.
Simplicidade, as pessoas vão preferir se sentir mais à vontade.
Favorece os estudos e as artes.
Paixões intensas, muita disposição e uma certa fúria.
O porco multiplica muito, portanto, a tendência é de nascerem muitos bebês, mas não é um ano bom para casamentos.
Os anos do Porco (ou Javali) marcam o final de um ciclo.
É fundamental fazer as escolhas certas.

Até 17/08 ainda estamos no Ano do Cachorro, de Fogo Positivo.
Relembrando: bom para vida em família, cuidar da rotina, fazer bons negócios.

Namastê.

2012 numerológico: Ano 5

                      5: O Caminho das Mudanças

E também da experiência própria.

Após um Ano 4, quando se buscou a estabilidade, uma base firme, preferindo o que já é conhecido, o Ano 5 vem para sair da casca e buscar coisas novas, se aventurar, ousar, tentar.

A vida fica mais movimentada, se renova mais rapidamente.
Teremos que nos adaptar a mudanças mais rápidas e coisas inesperadas.

Favorece todo o tipo de estudo, principalmente aprender línguas estrangeiras.

Difícil de focar num único assunto, pois os acontecimentos chamam ao mesmo tempo para vários lados.
É preciso cultivar a responsabilidade e a concentração.

Há tendência de começar muita coisa e terminar quase nada.

As pessoas ficam em geral mais agitadas, buscam mais liberdade, têm pressa, ficam inquietas, impacientes e buscam variedade. Fazem coisas demais. Tentam experimentar de tudo, pelo menos uma vez. Pensam muito rápido, sua mente voa. Muitas vezes desperdiçam sua energia, saúde ou bens.
Impulsivas, abandonam aquilo pelo qual se apaixonaram ontem.

As boas oportunidades estão ligadas ao público, comunicações e viagens.

Difícil de prever, pois costuma terminar totalmente diferente do que começou. É bom quando começa complicado, pois daí é que vai terminar bem.

Não é bom para fazer planos a longo prazo, mas para aproveitar as oportunidades que aparecerem e viver o presente. Daí a necessidade de cultivar a responsabilidade e cuidar com exageros.

É um ano de muita liberdade, expansividade, alegria, carisma, romance, aventura, ousadia e progresso.

As melhores coisas acontecem fora da rotina e do que é comum.
Deve-se ter cuidado especial com os exageros, que serão cobrados no ano 7.

Mas é um ano de bom humor, alegria, festas e diversões.

Janeiro e outubro favorecem o amor e os relacionamentos afetivos, mas há uma tendência a se sobrecarregar de trabalho.

Fevereiro e novembro são meses de reflexão.

Em março e dezembro acontecem grandes transformações, e mesmo com perdas, há chance de recuperar as coisas.

Abril é um mês supersensível, à flor da pele, com tendência a muitos exageros e alguns rompimentos também.

Em maio e setembro as maiores novidades e surpresas.

Junho tem a tendência de ser mais tranquilo e aconchegante, favorecendo a intimidade e a vida em família, bem como o casamento.

Julho favorece os estudos e as festas.

Agosto é um momento de pausa, um pouco irritante para um ano 5, mas necessário.

É preciso aproveitar que a mente está aberta a novidades e mudanças e arejar a vida.
O 5 também é o início da busca espiritual.

O 2 no início e no fim (2012) pede bastante paciência e observação.
Aprender é escutar.

As mulheres estão novamente em evidência.

Namastê.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Solstício de Verão 2011 e Natal

O Sol entrou em Capricórnio hoje, 22/12/2011, quinta-feira, as 3:30h do horário de verão, alcançando seu ponto máximo.
Mais perto de nós do hemisfério Sul e mais longe no hemisfério Norte
Para nós do hemisfério Sul marca o início do Verão.
Para o hemisfério Norte marca o início do Inverno.

Solstício quer dizer que o Sol "estaciona", pois nos solstícios, tanto de inverno como de verão, o Sol fica quase parado por aproximadamente 3 dias.

Os solstícios são portais de entrada e saída da luz.

Para nós do hemisfério Sul, é quando o Sol alcança seu ponto mais próximo e ingressa no signo de Capricórnio. Até o momento a luz vinha crescendo aos poucos no nosso hemisfério, hoje alcança seu ápice.
A partir de hoje, aos poucos, a luz vai decrescendo, embora a entrada do verão marque alguns meses bem quentes.

Marca o dia mais longo para nós, e a noite mais longa para o hemisfério Norte. A partir de hoje, aos poucos, os dias vão encurtando até ficarem iguais (em tempo) às noites, no próximo equinócio.
Nos equinócios (Primavera e Outono) os dias e as noites são iguais em tempo.

Voltando a nós, e ao solstício de Verão, o período coincide com a festa do Natal.

Podemos comemorar o Natal sem fingir que estamos no solstício de inverno, pois, afinal, estamos no hemisfério Sul, e aqui não haverá neve, haverá sim muito calor, e talvez algumas chuvas também. Mas calor.

As festas de verão são festas de muita alegria, quando se comemora o auge da luz.

A natureza está abundante e colorida, as cores são alegres, e o Sol espalha seu brilho e calor fertilizantes.

Podemos comer frutas, verduras e vegetais, que são os produtos da época. Combina mais com sorvete e bebidas geladas do que com castanhas e coisas mais pesadas, de inverno.

E brincar ao ar livre, enfeitar a casa com flores e plantas, trocar presentes, curtir música, dançar. 
O Natal do hemisfério Sul é divertido, brincalhão e expansivo, não é possível fazer bonecos de neve, o Papai Noel usa bermuda e chinelo, e os anjos comparecem também. Duvido que Jesus Cristo não ache isso muito legal.
Afinal, se comemoramos o seu aniversário sem nem sequer saber a data certa, que diferença faz se a gente viver o momento como ele realmente é?

Namastê. 


Capricórnio, 2011

"MERGULHADO ESTOU NA LUZ ESPIRITUAL, PORÉM VOLTO AS COSTAS PARA ESSA LUZ."

inferior, ou em desenvolvimento: "e a palavra disse: que governe a ambição e a porta seja larga."

O Sol entrou em Capricórnio hoje, 22/12/2011, quinta-feira, às 3:30h do horário de verão.

Sol na casa 2 conj.3, Lua Minguante em Escorpião na casa 1, Ascendente Escorpião e Meio do Céu no finalzinho de Câncer.

Eixo da individualidade (família x vida profissional).

Décimo Trabalho de Hércules: Cérbero morre.
(Objetivo: abrir a passagem espiritual mas não permanecer aí; usar as novas capacidades para auxiliar a humanidade a evoluir também. Focar a consciência na alma, a matéria é para ser utilizada no objetivo maior, e não para se prender à ela. Desenvolvimento do "serviço", nível mais alto de "trabalho")

(mais em "O Mês de Capricórnio" e o "Décimo Trabalho de Hércules")

Novamente um período de poucas mudanças, pois os signos Fixos se destacam. A energia é mais de manter o que se conquistou e prosseguir com poucas novidades.

O período de Capricórnio mostra as pessoas um pouco complicadas, divididas entre resolver seus problemas materiais e conceder um pouco mais de tempo para sua vida íntima, afetiva ou interior.
O Sol puxa para uma melhor administração financeira e para a melhora na comunicação.

Há uma tendência a confundir segurança emocional com acúmulo financeiro ou grandes aquisições que proporcionem status.
A vontade de descarregar frustrações em compras já é grande nessa época, e mais ainda quando o astral estimula isso.
Mas essa ganância, ou carência mal resolvida encontra um difícil obstáculo: ter que pagar a conta depois.

O uso do dinheiro e dos recursos em geral está em evidência aqui em Capricórnio.
Desfrutar e ter prazer é necessário e faz parte da vida. Mas o prazer vira frustração quando não respeitamos o nosso limite, seja ele físico, emocional, financeiro, etc.
Júpter é a busca do prazer, e Saturno é o limite.

No céu, Júpter buscando por liberdade e expansão confronta com Saturno que busca equilíbrio e moderação. Os dois em signos regidos por Vênus recebem um "pitaco" dela que, em Aquário busca a harmonia do grupo, mais do que a satisfação pessoal.
Vênus e Netuno em Aquário chamam pelo Amor Universal: aquela energia que se alegra com a felicidade do outro, muito contrária à luta de poder, quando um busca subjugar o outro, ou em alguns casos até aniquilá-lo.

Traduzindo: há ainda o conflito entre fazer o que tiver vontade sem pensar no depois x pensar no amanhã e não fazer muita coisa. E Vênus desafiando os dois nos diz que uma forma de equilibrar isso é pensar no grupo antes de pensar em si (o que não exclui pensar em si). Porque se o grupo todo fizer isso, o grupo todo tem o retorno da energia.

A assistência benéfica de Plutão a esse conflito mostra a grande possibilidade de soluções eficientes e práticas, envolvendo principalmente partilhas, redistribuição de recursos e novas maneiras de exercer o poder.

A conjunção aplicativa do Sol a Plutão fala de grandes transformações estruturais, a partir do interior das pessoas ou das hierarquias (sejam elas quais forem as estruturas de poder: família, governo, partidos políticos, igrejas, qualquer estrutura com hierarquias de poder).

Plutão, desde que ingressou em Capricórnio vem mexendo nas estruturas de poder, na organização social e política do planeta, à sua maneira: lentamente, quase invisível, quase sem ser percebido, mostrando as coisas depois de remexidas (os escândalos políticos, religiosos e sociais se relacionam com a passagem de Plutão por Sagitário, mas a derrubada e transformação das estruturas está astrologicamente relacionada com Plutão por Capricórnio).

A passagem do Sol por esse ponto só reforça um pouco mais a situação.
Os aspectos formados mostram sucesso nas negociações que envolvam forças contrárias em confronto.

Por isso, a importância da paciência e da persistência nesse período. Capricórnio é o máximo da matéria, o ponto mais alto, o melhor que conseguimos fazer, colocar na prática. É o momento de sermos mais eficientes, mais concentrados, para alcançar o topo da montanha de Capricórnio (o triângulo espiritual: pureza, beleza e integridade), que só é alcançado quando estamos no nível mais alto do signo, que é o Unicórnio.

Se estamos no nível do Crocodilo ou da Cabra, ainda temos que vencer o apego à matéria, o egoísmo, orgulho, a vingaça, a ambição, o medo da solidão, e ainda manter tudo isso e ter a capacidade de se ajoelhar.

Seja como for, sempre teremos escolha.

E o pensamento semente de Capricórnio fala justamente da generosidade de uma alma evoluída que conseguiu a duras penas o máximo de realização material e principalmente espiritual, mas que, ao "voltar as costas a essa luz" não a retém somente para si, descendo a montanha para partilhar e ajudar a quem ainda não chegou lá.

Por que, pense bem, será que vale a pena conseguir tudo e ficar sozinho?
Ao compartilhar e ajudar estamos possibilitando que outros cresçam e subam a montanha conosco.
Isso me parece bem mais divertido.

Namastê.

domingo, 11 de dezembro de 2011

dezembro 2011, astrológico e numerológico 7

Dezembro já começou, mas só hoje pude dar uma olhadinha.



Iniciamos o mês com a LUA CRESCENTE, em 02/12, sexta-feira, às 7:51h.

Sol a 9' Sagitário e Lua a 9' Virgem.



Essa lunação é um estímulo ao crescimento e expansão. A Lua em Peixes não seleciona muito onde vamos investir a atenção, já que aceita quase tudo, enquanto o Sol sagitariano busca ampliar os horizontes em grande escala, mas tem metas específicas.



Estamos com Mercúrio retrógrado, ainda sob o efeito de um eclipse solar, e perto de um lunar.. bem fica difícil discriminar e raciocinar nesse período. Mais ainda pelo desafio de Marte em Virgem tanto à Lua como ao Sol. Em outras palavras, Marte está dizendo que vai investir suas forças em uma coisa de cada vez!



O Ascendente Capricórnio é concentrado e autoritário, mas terá que se adaptar às circunstâncias do momento (Meio do Céu em Virgem) e mesmo que queira, só conseguirá realizar algo importante se o fizer em conjunto, em grupo, com a colaboração de outras pessoas, se associando.

Isso quer dizer que não adiantará impor nossa vontade, teremos que negociar e aceitar algumas exigências do ambiente.



O ego forte continua procurando disputas para provar a si mesmo, nem preciso repetir que a melhor atitude disso é a distância mesmo.



10/12/2011, sábado, 12:36h - LUA CHEIA.

Sol a 18' Sagitário (casa 10) e Lua a 18' Gêmeos (casa 4).

Ascendente Peixes e Meio do Céu em Sagitário.

Nessa lunação acontece um ECLIPSE TOTAL DA LUA.



A Lua Cheia traz tudo para fora, deixa às claras, as coisas "aparecem", tanto para serem festejadas como também modificadas.

Nessa aqui há uma tendência à instabilidade em geral e será fundamental se adaptar rapidamente às várias e pequenas mudanças do dia a dia.



O período do Sol em Sagitário é geralmente apressado, e temos a impressão de que o tempo voa, pois queremos fazer muito. Mas nesse momento o Sol sagitariano desafiado por Marte em Virgem vai ter que parar um pouco para refletir, ainda mais que Mercúrio ainda retrógrado, pede para rever pelo menos as últimas semanas.



A Lua, eclipsada na casa 4 sugere que alguns deixarão as questões domésticas, familiares ou íntimas para segundo plano, ou pior: que vão descarregar em casa ou no íntimo de si mesmo as frustrações daquilo que não conseguiram realizar. Cuidado, essa parte é a nossa base para qualquer coisa.



Assim sendo, penso que o melhor no momento seria continuar querendo lançar a flecha, ousar sim, querer melhorar sim, mas antes de atitudes mais fortes ou radicais, questionar o que é possível e cultivar a paciência com pequenos obstáculos e coisas irritantes que podem atrasar um pouquinho nossos planos. Caso essas pequenas irritações se tornem temporais na sua mente, a possibilidade é de se deixar distrair por elas e perder a meta.

Ter um pouco de cuidado e paciência, mesmo em Sagitário, sempre traz algum aprendizado extra (aprendizado é algo que ninguém nos tira).



A partir do dia 14/12, com Mercúrio direto (ufa!) parece que tudo fica um pouquinho mais fácil.



Os desafios de Marte exigem uma cuidadosa negociação. Marte só cede para Vênus, que está em Capricórnio, o que sugere ter bastante habilidade, educação, alto nível e senso prático.



Por outro lado, mesmo com esses desafios, a espiritualidade está em alta. É o momento de acessar nossos recursos internos, prestar atenção aos insights, pois conseguiremos com isso melhores resultados também na vida prática. Fazer caridade não está descartado, mesmo para os mais materialistas.



O velho conselho que tem se repetido há tempo: gaste seu dinheiro com bom senso, ainda é válido. Os aspectos sugerem boas oportunidades nesse sentido, mas com imprevistos. É bom analisar bem se aquelas ofertas irresistíveis são mesmo necessárias agora. Uma boa maneira de administrar seu dinheiro é fazer as contas da mesma maneira que você faz quando resolve um desafio lógico. Afinal, dinheiro não fala, ele não grita "para de me gastar, estou terminando", ou "pode me gastar agora".



Astrometeorologia: temperatura esquentando, pouca chuva, mas com possibilidade de tempestades rápidas. Tumulto nos ventos. Céu quente e solo frio. Frio à noite.



17/12/2011, sábado, 21:47h - LUA MINGUANTE.

Sol a 25' Sagitário na casa 6 e Lua a 25' Virgem na casa 2.

Ascendente Leão e Meio do Céu em Touro.



Minguante é sempre bom para concluir e para corrigir. Caso tudo tenha corrido muito bem, é ótimo para planejar o próximo ciclo.



Essa lunação está muito desafiada, parece que temos muito para consertar, corrigir, refazer. Mas como os aspectos fluentes também são muitos, boas oportunidades estarão presentes também.



É um período bem movimentado, tantos pelos seus muitos aspectos como por ser próximo ao Natal, quando mesmo quem nunca fez nada durante o ano todo começa a correr também.



As oportunidades e os imprevistos financeiros continuam também.



Continuamos precisando fazer as coisas mais em conjunto do que de maneira independente. As palavras mágicas "com licença", "por favor", "obrigado", "desculpe" e suas variações farão diferença grande.



Há muita agitação e correria, mas pouca mudança grande, já que os signos Fixos em evidência sugerem mais uma continuação da situação anterior. Provavelmente uma luta para manter o que se conquistou.



24/12/2011, sábado, 16:06h - LUA NOVA.

Sol e Lua a 2' Capricórnio na casa 8 conj. 9.

Ascendente Touro e Meio do Céu em Aquário.



A busca por segurança e estabilidade se faz presente.

A Lua Nova em Capricórnio instiga a reconciliar e fortalecer laços familiares, antigos e íntimos, mais como busca de segurança, pois os sentimentos estão frios.



Vênus em Aquário no Meio do Céu estimula a fraternidade e a boa convivência entre desiguais e diferentes e, pelos seus aspectos, desafia a prestar serviços e ajuda a quem tem menos. Falei "desafia" pois quadra o regente da casa 8, que busca acúmulo pessoal de riquezas. Traduzindo, Vênus pede partilha, não só financeira, mas de bom humor, gentileza, compreensão, paciência.



Netuno na casa 10 mostra uma tendência a festas e comunhão espiritual, mas no seu nível mais baixo, muita bebedeira.



Júpter em trígono com a lunação contribui com otimismo e alegria, aumenta a vontade de consolidar laços afetivos dá a impressão de que as pessoas estão mais generosas ou bondosas. Mesmo que isso seja passageiro, é uma espécie de proteção ter trígonos de Júpter, o chamado planeta benéfico.



astrometorologia: chuvas em abundância de modo imprevisto e súbito. Calor. Raios. Ventos fortes. Pouca umidade no ar.



Fica a sugestão para fazer o roteiro das Doze Noites Santas (texto no blog) e um maravilhoso 2012 a todos.



2012 é um Ano Numerológico 5, a carta do Tarô é O Sacerdote; a regência cabalística é a Lua; no hemisfério Norte é do Dragão de Água positivo, mas no hemisfério Sul é do Porco de Fogo negativo; e astrologicamente inicia em 20/03, terça-feira, as 2:14h com a regência de Saturno e Urano. Assim que puder, comento.



DEZEMBRO    NUMEROLÓGICO

Dezembro é um Mês Universal 7, último mês de um Ano Universal 4.


Estimula a reflexão sobre as conquistas feitas (ou não) durante o ano.


No Ano Universal 4, cujo objetivo principal é a segurança e estabilidade, e meio avesso às novidades, o Mês Universal 7 reflete sobre aquilo que objetivamente conseguiu, busca aprender com seus erros e fortalecer os acertos, e parte para o planejamento do ano seguinte.


É o momento melhor para fortalecer suas fraquezas e consolidar suas forças, pois o ano seguinte, um 5 (cinco) é quase imprevisível, sua maior possibilidade é a de muitas mudanças. Por isso, é bom que no Ano 4 tenhamos aprendido a lição da paciência e nos fortalecido um pouco.



O Mês 7 é mais receptivo e passivo, bom para cuidar da saúde, da alimentação, tirar férias, refletir, deixar a intuição se manifestar, aproveitar a capacidade de análise aumentada para planejar o futuro e fazer uma auto análise.


Não é bom para apressar nada. Nem para correr atrás de dinheiro. No 7 o dinheiro corre atrás daquele que seguiu sua vocação e ouviu sua voz interior, é uma consequência, não uma causa.



Aproveite a energia do 7 para fluir de acordo com ritmo da Natureza, não forçando nem apressando nada. Evite a paranóia, não busque experiências muito diferentes ou estranhas, mas cultive o silêncio, essa é a Magia do Mês 7. É no silêncio que as coisas se revelam.


Muito bom para meditar, refletir, ler.


Afetivamente, o 7 não gosta de nada superficial, e cultiva o relacionamentos de "alma", ou seja, com afinidades além da sensualidade, dos objetivos profissionais ou financeiros: com afinidades no mínimo mentais e culturais, mas preferencialmente espirituais.





Claro, essas são previsões Universais, não Pessoais.





Namastê.

Luas 2012, todos os meses


LUAS de 2012
(hv = horário de verão)
horário de verão no Brasil: até 18/02/2012
e a partir de 21/10/2012 até fev/2013.
JANEIRO

SIGNOS
02/01 - 20:17 hor.verão - Touro
05/01 - 8:45 hv - Gêmeos
07/01 - 19:06 hv - Câncer
10/01 - 2:36 hv - Leão
12/01 - 7:45 hv - Virgem
14/01 - 11:29 hv - Libra
16/01 - 14:35 hv - Escorpião
18/01 - 17:30 hv - Sagitário
20/01 - 20:41 hv - Capricórnio
23?01 - 0:54 hv - Aquário
25/01 - 7:12 hv - Peixes
27/01 - 16:29 hv - Áries
30/01 - 4:29 hv - Touro

FASES

01/01 - 4:16 hv - LUA CRESCENTE
Sol 10' Capricórnio e Lua a 10' Áries

09/01 - 5:32 hv - LUA CHEIA
Sol a 18' Capricórnio e Lua 18' Câncer

16/01 - 7:09 hv - LUA MINGUANTE
Sol 25' Capricórnio e Lua 25' Libra

23/01 - 5:40 hv - LUA NOVA
Sol e Lua a 2' Aquário

31/01 - 2:11 hv - LUA CRESCENTE
Sol a 10' Aquário e Lua a 10' Touro

Fora de Curso
02/01 - 18:07 a 20:17 hv
05/01 - 6:46 a 8:45 hv
07/01 - 17:52 a 19:06 hv
10/01 - 0:25 a 2:36 hv
12/01 - 6:23 a 2:36 hv
13?01 - 23:58 a 11:29 hv
16/01 - 13:28 a 14:35 hv
18/01 - 16:31 a 17:30 hv
20/01 - 19:49 a 20:41 hv
22/01 - 23:37 a 23?01 - 0:54 hv
25/01 - 6:33 a 7:12 hv
27/01 - 2:52 a 16:29 hv
30/01 - 4:08 a 4:29 hv


FEVEREIRO

SIGNOS
01/02 - 17:16 hv - Gêmeos
04/02 - 4:05 hv - Câncer
06/02 - 11:25 hv - Leão
08/02 - 15:33 hv - Virgem
10/02 - 17:55 hv - Libra
12/02 - 20:02 hv - Escorpião
14/02 - 22:57 hv - Sagitário
17/02 - 3:04 hv - Capricórnio
19/02 - 7:29h - Aquário
21/02 - 14:32h - Peixes
23/02 - 23:49h - Áries
26/02 - 11:31h - Touro
29/02 - 0:28h - Gêmeos

FASES

07/02 - 19:55 hv - LUA CHEIA
Sol a 18' Aquário e Lua 18' Leão

14/02 - 15:05 hv - LUA MINGUANTE
Sol 25' Aquário e Lua 25' Escorpião

21/02 - 19:36h - LUA NOVA
Sol e Lua a 2' Peixes

29/02 - 22:23h - LUA CRESCENTE
Sol a 10' Peixes e Lua 10' Gêmeos


Fora de Curso:
01/02 - 17:05 a 17:16 hv
04/02 - 3:05 a 4:05 hv
06/02 - 10:30 a 11:25 hv
08/02 - 14:41 a 15:33 hv
10/02 - 3:11 a 17:55 hv
12/02 - 19:08 a 20:02 hv
14/02 - 15:04 a 22:57 hv
17/02 - 2:02 a 3:04 hverão
19/02 - 6:21 a 7:29h
21/02 - 13:15 a 14:32h
22/02 - 23:23 a 23:49h
26/02 - 9:51 a 1:31h
28/02 - 16:46 a 0:28h

MARÇO

SIGNOS
02/03 - 12:09h - Câncer
04/03 - 20:19h - Leão
07/03 - 0:28h - Virgem
09/03 - 1:51h - Libra
11/03 - 2:25h - Escorpião
13/03 - 3:55h - Sagitário
15/03 - 7:25h - Capricórnio
17/03 - 13:13h - Aquário
19/03 - 21:06 - Peixes
22/03 - 6:58h - Áries
24/03 - 18:44h - Touro
27/03 - 7:44h - Gêmeos
29/03 - 20:08h - Câncer

FASES

08/03 - 6:41h - LUA CHEIA
Sol a 18' Peixes e Lua 18' Virgem

14/03 - 22:26h - LUA MINGUANTE
Sol a 24' Peixes e Lua 24' Sagitário

22/03 - 11:38h - LUA NOVA
Sol e Lua a 2' Áries

30/03 - 16:42h - LUA CRESCENTE
Sol a 10' Áries e Lua a 10' Câncer


Fora de Curso
02/03 - 10:13 a 12:09h
04/03 - 19:17 a 20:19h
06/03 - 22:27 a 07/03 - 0:28h
08/03 - 6:40h a 09/03 1:51h
11/03 - 0:08 a 2:25h
12/03 - 15:30 a 13/03 - 3:35h
15/03 - 4:33 a 7:25h
17/03 - 9:59 a 13:13h
19/03 - 17:39 a 21:06h
21/03 - 5:39 a 6:58h
24/03 - 14:16 a 18:44h
27/03 - 1:34 a 7:44h
29/03 - 15:04 a 20:08h

ABRIL

SIGNOS
01/04 - 5:37h - Leão
03/04 - 10:54h - Virgem
05/04 - 12:33h - Libra
07/04 - 12:19h - Escorpião
09/04 - 12:13h - Sagitário
11/04 - 14:03h - Capricórnio
13/04 - 18:49h - Aquário
16/04 - 2:39h - Peixes
18/04 - 13:00h - Áries
21/04 - 1:06 - Touro
23/04 - 14:06 - Gêmeos
26/04 - 2:43h - Câncer
28/04 - 13:12h - Leão
30/04 - 20:03h - Virgem

FASES

06/04 - 16:20h - LUA CHEIA
Sol a 17' Áries e Lua 17' Libra

13/04 - 7:51h - LUA MINGUANTE
Sol 23' Áries e Lua 23' Capricórnio

21/04 - 4:20h - NOVA
Sol e Lua a 1' Touro

29/04 - 6:59h - LUA CRESCENTE
Sol a 9' Touro e Lua 9' Leão


Fora de Curso
01/04 - 1:20 a 5:37h
03/04 - 10:47 a 10:54h
05/04 - 2:38 a 12:13h
07/04 - 7:15 a 12:19h
09/04 - 3:56 a 12:13h
11/04 - 8:05 a 14:03h
13/04 - 14:05 a 18:49h
15/04 - 19:41 a 2:39h
17/04 - 11:34 a 13:00h
20/04 - 16:34 a 21/04 - 1:06h
22/04 - 14:10 a 23/04 - 14:06h
25/04 - 17:31 a 26/04 2:43h
28/04 - 4:05 a 13:12h
30/04 - 11:17 a 20:03h


MAIO

SIGNOS
02/05 - 23:05h - Libra
04/05 - 23:21h - Escorpião
06/05 - 22:40h - Sagitário
08/05 - 23:01h - Capricórnio
11/05 - 2:04h - Aquário
13/05 - 8:43h - Peixes
15/05 - 18:47h - Áries
18/05 - 7:04h - Touro
20/05 - 20:06h - Gêmeos
23/05 - 8:32h - Câncer
25/05 - 19:12h - Leão
28/05 - 3:07h - Virgem
30/05 - 7:47h - Libra

FASES

06/05 - 0:36h - LUA CHEIA
Sol 16' Touro e Lua 16' Escorpião

12/05 - 18:48h - LUA MINGUANTE
Sol 22' Touro e Lua 22' Aquário

20/05 - 20:48h - LUA NOVA (eclipse anular do SOL)
Sol e Lua 0' Gêmeos

28/05 - 17:17h - LUA CRESCENTE
Sol 7 Gêmeos e Lua 7' Virgem

Fora de Curso
02/05 - 7:58 a 23:05h
04/05 - 15:01 a 23:21h
06/05 - 9:14 a 22:40h
08/05 - 22:34 a 23:01h
10/05 - 16:11 a 11/05 - 2:04h
12/05 - 21:52 a 13/05 - 8:43
15/05 - 8:59 a 18:47h
17/05 - 18:44 a 18/05 7:04h
20/05 - 9:34 a 20:06h
22/05 - 19:50 a 23/02 - 8:32h
25/05 - 11:33 a 19:12h
27/05 - 20:54 a 28/05 - 3:07h
30/05 - 2:50 a 7:47h
31/05 - 22:31 a 01/06 9:32h
JUNHO

SIGNOS

01/06 - 9:32h - Escorpião
03/06 - 9:33h - Sagitário
05/06 - 9:32h - Capricórnio
07/06 - 11:18h - Aquário
09/06 - 16:23h - Peixes
12/06 - 1:22h - Áries
14/06 - 13:23h - Touro
17/06 - 2:25h - Gêmeos
19/06 - 14:35h - Câncer
22/06 - 0:48h - Leão
24/06 - 8:44h - Virgem
26/06 - 14:16h - Libra
28/06 - 17:33h - Escorpião

FASES

04/06 - 8:13h - LUA CHEIA (eclipse parcial da LUA)
Sol 14' Gêmeos e Lua 14' Sagitário

11/06 - 7:42h - LUA MINGUANTE
Sol 20' Gêmeos e Lua 20' Peixes

19/06 - 12:03h - LUA NOVA (Lua Violeta)
Sol e Lua 28' Gêmeos

27/06 - 0:31h - LUA CRESCENTE
Sol a 5' Câncer e Lua 5' Libra


Fora de Curso
03/06 - 6:29 a 9:33h
05/06 - 2:08 a 9:32h
07/06 - 9:38 a 11:18h
09/06 - 15:32 a 16:23h
11/06 - 7:41 a 12/06 - 1:22h
14/06 - 0:09 a 13:23h
16/06 - 9:09 a 17/06 - 2:25h
19/06 - 12:02 a 14:35h
21/06 - 13:48 a 22/06 - 0:48h
23/06 - 19:26 a 24/06 - 8:44h
26/06 - 7:53 a 14:16h
28/06 - 5:22 a 17:32h
30/06 - 16:45 a 19:05h


JULHO

SIGNOS

02/07 - 19:52h - Capricórnio
04/07 - 21:27h - Aquário
07/07 - 1:30h - Peixes
09/07 - 9:15h - Áries
11/07 - 20:32h - Touro
14/07 - 9:28h - Gêmeos
16/07 - 21:32h - Câncer
19/07 - 7:14h - Leão
21/07 - 14:25h - Virgem
23/07 - 19:39h - Libra
25/07 - 23:30h - Escorpião
28/07 - 2:19h - Sagitário
30/07 - 4:30h - Capricórnio

FASES

03/07 - 15:53h - LUA CHEIA
Sol 12' Câncer e Lua 12' Capricórnio

10/07 - 22:49h -LUA MINGUANTE
Sol 19' Câncer e Lua 19' Áries

19/07 - 1:25h - LUA NOVA
Sol e Lua 26' Câncer

26/07 - 5:57h - LUA CRESCENTE
Sol 3' Leão e Lua 3' Escorpião


Fora de Curso
02/07 - 19:20 a 19:52h
04/07 - 9:25 a 21:27
06/07 - 12:48 a 07/07 - 1:30h
08/07 - 8:00 a 09/07 9:15h
11/07 - 6:23 a 20:32h
13/07 - 16:46 a 14/07 9:28h
16/07 - 7:57 a 21:32h
19/07 - 1:24 a 7:14h
21/07 - 2:17 a 14:25h
22/07 - 21:44 a 23/07 - 19:39h
25/07 - 12:22 a 23:30h
26/07 - 12:38 a 28/07 2:19h
29/07 - 18:01 a 30/07 - 4:30
AGOSTO

SIGNOS

01/08 - 6:57h - Aquário
03/08 - 10:59h - Peixes
05/08 - 18:00h - Áries
08/08 - 4:29h - Touro
10/08 - 17:12h - Gêmeos
13/08 - 5:29h - Câncer
15/08 - 15:06h - Leão
17/08 - 21:34h - Virgem
20/08 - 1:46h - Libra
22/08 - 4:55h - Escorpião
24/08 - 7:51h - Sagitário
26/08 - 11:00h - Capricórnio
28/08 - 14:40h - Aquário
30/08 - 19:32h - Peixes

FASES

02/08 - 0:29h - LUA CHEIA
Sol 10' Leão e Lua 10' Aquário

09/08 - 15:56h - LUA MINGUANTE
Sol 17' Leão e Lua 17' Touro

17/08 - 12:55h - LUA NOVA
Sol e Lua 25' Leão

24/08 - 10:55h - LUA CRESCENTE
Sol 1' Virgem e Lua 1' Sagitário

31/08 - 10:59h - LUA CHEIA
Sol 8' Virgem e Lua 8' Peixes

Fora de Curso
03/08 - 4:24 a 10:59h
05/08 - 14:56 a 18:00h
07/08 - 17:04 a 08/08 - 4:29h
09/08 - 15:55 a 10/08 - 17:12h
12/08 - 18:49h a 13/08 - 5:29h
15/08 - 5:21 a 15:06h
17/08 - 14:55 a 21:34h
18/08 - 20:27 a 20/08 - 1:46h
22/08 - 4:13 a 4:55h
23/08 - 6:34 a 24/08 - 7:51h
26/08 - 3:39 a 11:00h

SETEMBRO

SIGNOS

02/09 - 2:38h - Áries
04/09 - 12:42h - Touro
07/09 - 1:11h - Gêmeos
09/09 - 13:50h - Câncer
12/09 - 0:02h - Leão
14/09 - 6:32h - Virgem
16/09 - 9:56h - Libra
18/09 - 11:47h - Escorpião
20/09 - 13:35h - Sagitário
22/09 - 16:22h - Capricórnio
24/09 - 20:34h - Aquário
27/09 - 2:25h - Peixes
29/09 - 10:15h - Áries

FASES

08/09 - 10:16h - LUA MINGUANTE
Sol 16' Virgem e Lua 16' Gêmeos

15/09 - 23:12h - LUA NOVA
Sol e Lua 23' Virgem

22/09 - 16:42h - LUA CRESCENTE
Sol 0' Libra e Lua 0' Capricórnio

30/09 - 0:20h - LUA CHEIA
Sol 7' Libra e Lua 7' Áries

Fora de Curso
01/09 - 17:02 a 02/09 - 2:38h
04/09 - 8:06 a 12:42h
05/09 - 15:55 a 07/09 - 1:11h
09/09 - 7:58 a 13:50h
11/09 - 18:58 a 12/09 - 0:02h
14/09 - 2:13 a 6:32h
16/09 - 8:26 a 9:56h
18/09 - 8:30h a 11:47h
20/09 - 10:11 a 13:35h
22/09 - 13:45 a 16:22h
24/09 - 18:18 a 20:34h
27/09 - 0:33 a 2:25h
28/09 - 23:34 a 29/09 - 10:15h

OUTUBRO

SIGNOS

01/10 - 20:27h - Touro
04/10 - 8:48h - Gêmeos
06/10 - 21:46h - Câncer
09/10 - 8:56h - Leão
11/10 - 16:25h - Virgem
13/10 - 20:03h - Libra
15/10 - 21:07h - Escorpião
17/10 - 21:27h - Sagitário
19/10 - 13:35h - Sagitário
22/10 - 3:03 hor.verão - Aquário
24/10 - 9:01 hv - Peixes
26/10 - 17:32 hv - Áries
29/10 - 4:16 hv - Touro
31/10 - 16:41 hv - Gêmeos

FASES

08/10 - 4:34h - LUA MINGUANTE
Sol 15' Libra e Lua 15' Câncer

15/10 - 9:04h - LUA NOVA
Sol e Lua 22' Libra

22/10 - 1:33 hor. verão - LUA CRESCENTE
Sol 29' Libra e Lua 29' Capricórnio

29/10 - 17:51 hor.verão - LUA CHEIA
Sol 6' Escorpião e Lua 6' Touro

Lua fora de Curso
01/10 - 19:31 a 20:27h
04/10 - 4:44 a 8:48h
05/10 - 18:09 a 06/10 - 21:46h
08/10 - 4:34 a 09/10 - 8:56h
10/10 - 18:40 a 11/10 - 16:25h
12/10 - 20:48 a 13/10 - 20:03h
15/10 - 9:02 a 21:07h
16/10 - 23:23 a 17/10 - 21:27h
19/10 - 17:26 a 22:42h
22/10 - 1:32 a 3:03 hor. verão
23/10 - 23:27 a 24/10 - 9:01 hv
26/10 - 12:04 a 17:32 hv
27/10 - 23:33 a 29/10 - 4:16 hv
29/10 - 19:01 a 31/10 - 16:41 hv



NOVEMBRO

SIGNOS

03/11 - 4:33 hv - Câncer
05/11 - 17:40 hv - Leão
08/11 - 2:36 hv - Virgem
10/11 - 7:36 hv - Libra
12/11 - 9:11 hv - Esorpião
14/11 - 8:53 hv - Sagitário
16/11 - 8:37 hv - Capricórnio
18/11 - 10:11 hv - Aquário
20/11 - 14:56 hv - Peixes
22/11 - 23:13 hv - Áries
25/11 - 10:19 hv - Touro
27/11 - 22:59 hv - Gêmeos
30/11 - 11:56 hv - Câncer

FASES

06/11 - 22:37 hv - LUA MINGUANTE
Sol 15' Escorpião e Lua 15' Leão

13/11 - 20:09 hv - LUA NOVA (eclipse TOTAL DO SOL)
Sol e Lua 21' Escorpião

20/11 - 12:33 hv - LUA CRESCENTE
Sol 28' Escorpião e Lua 28' Aquário

28/11 - 12:47 hv - LUA CHEIA (eclipse anular da LUA)
Sol 6' Sagitário e Lua 6' Gêmeos

Fora de Curso
02/11 - 7:21 a 03/11 - 4:44 hor.verão
04/11 - 6:37 a 05/11 - 17:40 hv
07/11 - 13:27 a 08/11 - 2:36 hv
09/11 - 22:27 a 10/11 - 7:36 hv
12/11 - 3:13 a 9:11 hv
14/11 - 8:38 a 8:53 hv
16/11 - 7:43 a 8:37 hv
18/11 - 3:54 a 10:11 hv
20/11 - 12:31 a 14:56 hv
22/11 - 4:31 a 23:13 hv
23/11 - 23:34 a 25/11 - 10:19 hv
26/11 - 22:57 a 22:59 hv
28/11 - 23:04 a 30/11 - 11:56 hv


DEZEMBRO

SIGNOS

02/12 - 23:58 hv - Leão
05/12 - 9:53 hv - Virgem
07/12 - 16:36 hv - Libra
09/12 - 19:52 hv - Escorpião
11/12 - 20:23 hv - Sagitário
13/12 - 19:44 hv - Capricórnio
15/12 - 19:54 hv - Aquário
17/12 - 22:49 hv - Peixes
20/12 - 5:44 hv - Áries
22/12 - 16:26 hv - Touro
25/12 - 5:14 hv - Gêmeos
27/12 - 18:08 hv - Câncer
30/12 - 5:46 hv - Leão

FASES

0612 - 13:33 hv - LUA MINGUANTE
Sol 14' Sagitário e Lua 14' Virgem

13?11 - 6:43 h - LUA NOVA
Sol e Lua 21' Sagitário

20/12 - 3:20 hv - LUA CRESCENTE
Sol 28' Sagitário e Lua 28' Peixes

28/12 - 8:22 hv - LUA CHEIA
Sol 7' Capricórnio e Lua 7' Câncer

Fora de Curso
02/12 - 4:55 a 23:58 hor.verão
04/12 - 20:08 a 05/12 9:53 hv
07/12 - 8:36 a 16:36 hv
08/12 - 22:37 a 09/12 - 19:52 hv
11/12 - 11:08 a 20:23 hv
13/12 - 6:42 a 19:44 hv
15/12 - 19:14 a 19:54 hv
17/12 - 16:11 a 22:49 hv
20/12 - 3:19 a 5:44 hv
22/12 - 10:56 a 16:26 hv
25/12 - 3:58 a 5:14 hv
27/12 - 4:51 a 18:08 hv
28/12 - 12:42 a 30/12 - 5:46 hv
31/12 - 19:52 a 01/01 15:35 hv

Namastê.