...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

domingo, 23 de dezembro de 2012

Natal Pagão, Natal Cristão... Axé!


Natal Pagão, Natal Cristão... Axé!

O Natal cristão é uma festa riquíssima em simbolismos pagãos e cristãos, comemorada também pelos africanos.

O nascimento de Jesus Cristo é festejado aqui, mas sabemos que essa data é falsa; além de não haver nenhum registro a respeito, o nascimento como é narrado na Bíblia só poderia ter acontecido entre os meses de março e setembro.
Primeiro porque os homens não levavam os animais para fora à noite em outra época, devido ao clima hostil da região (frio insuportável, chuva e neve).
Segundo porque não era costume fazer rescenceamento da população numa época de clima tão hostil.
Terceiro, porque se apesar disso Maria e José estivessem ao relento e Maria tivesse parido Jesus nessa época, nenhum dos três teria sobrevivido, e menos ainda a criança enrolada em paninhos velhos. Não haveria ninguém para contar a história.

Acontece que a igreja católica daquele momento buscava uma data para festejar o nascimento de Jesus. Para isso, fizeram uma espécie de "sincronismo" com a festa da morte e renascimento do Sol, uma festa pagã. Os motivos são tão extensos que não cabem nesse textinho.

Não sei por qual motivo estúpido a humanidade briga por motivos religiosos há séculos!
Atualmente o fanatismo continua, acrescido de novas religiões.

Bem, os primeiros cristãos não costumavam festejar NENHUMA data em especial.
Não porque isso fosse algum pecado, mas porque achavam mais importante que TODOS os dias fossem santificados e festejados, porque nada, nenhuma data e nenhuma pessoa é mais santa ou mais crística, se Deus está em toda parte.
Para eles o simples fato de você estar alegre era motivo para fazer uma festa, já que TUDO é divino, toda a natureza e todos os dias são santos e todas as pessoas são luz, então não haveria motivo para destacar nada de nada. Simples assim.

Algumas gerações cristãs após e continuava a velha briga entre cristãos e pagãos, então a igreja da época decidiu usar as datas pagãs para que essas fossem deletadas da memória do povo.
Para o nascimento de Jesus Cristo, usaram a festa da morte e renascimento do Sol.

É uma festa de inverno, que começa no primeiro dia de inverno (solstício de Inverno).
Os dias estão ficando cada vez mais curtos desde o solstício de Verão, até que acontece o dia mais curto e a noite mais longa do ano (no solstício de Inverno).
A partir do primeiro dia de inverno, os dias começam lentamente a ficar maiores, até o início do verão, todos os anos.
No início do inverno, o comando passa para o Deus (Sol), já que ele está em crescimento.
No início do verão, o comando é da Deusa (Lua), pois o Sol declina, os dias estão encurtando e as noites aumentando.

As festas antigas e as pagãs seguiam sempre o ciclo das Estações do Ano, pois eles conheciam Astronomia, que era uma ciência conjunta à Astrologia. Hoje estão separadas, mas nasceram uma só: a Astrologia era a interpretação da Astronomia.

As guirlandas nas nossas portas são parentes das antigas rodas das carroças, que eram enfeitadas com galhos verdes de pinheiro. Simbolizava a roda da vida que estava dando sua "paradinha". Porque no dia do solstício o Sol fica perpendicular à Terra e praticamente parado durante 2 a 3 dias, isso da nossa perspectiva, aqui no planetinha.
O pinheiro era uma representação da Deusa, que era enfeitada para o Deus.
O fogo (usavam velas e queimavam bastões) hoje foi substituído pelas luzes, era para reforçar o calor do Deus (Sol), para que não se apagasse totalmente, por isso a Deusa estava cuidando dele.
A Lua Nova antes do solstício de inverno era o auge da escuridão, um momento feminino, quando as mulheres se recolhiam e fortaleciam a sua magia.

Já citei em outros textos, e para não me tornar repetitiva, várias culturas antigas faziam várias festas diferentes: as Saturnálias, as Deusas Brancas, o renascimento do Deus.. vamos longe.

Os negros descendentes dos escravos vindos da África tinham suas próprias festas, mas precisaram sincronizar também, para que sua religião sobrevivesse. Em 25 de dezembro celebram a festa de Oxalá criança, o Deus Menino, e sua cor é o branco.

Para os pagãos, eram verde e vermelho as cores principais, seguidas pelos cristãos da época (lembre que os primeiros cristãos não curtiam essas festas).

Bem, e nós aqui do hemisfério Sul acabamos com uma tremenda salada de festa cristã com festa pagã ao contrário (porque estamos no verão!) e um toque de Axé.

Tá bom então. Que seja assim.
O que fazemos com tudo isso?
Pegamos a idéia principal, o AMOR, e ficamos bem pertinho daqueles que amamos.
Fazemos uma festa de acordo com nossas posses, usamos os símbolos que temos mais afinidade e curtimos o Natal (a palavra significa nascimento).
Aproveitamos para trocar energias de amor com as pessoas e fazemos circular emoções agradáveis, seja através de presentes, encontros, ou outras formas.
Podemos praticar um pouco de magia, ou não.
Podemos não querer fazer festa nenhuma.
Podemos ficar conosco mesmos em um momento de "recarga" energética.
Podemos seguir alguma tradição.
Podemos fazer desse momento a festa da família.
Isso não importa tanto, na minha opinião.

Seja qual for a sua tradição, ou se não quiser nenhuma, use esse momento energético para fortalecer a si mesmo e distribuir boas energias.
Aproveite que a roda da vida dá uma paradinha a cada solstício e quando voltar a girar que traga felicidade e paz.
Que gire sempre elevando o nosso astral, transformando as experiências passadas em sabedoria, aumentando as nossas capacidades amorosas.

Feliz Natal !

Namastê.


Natal, as Doze Noites Santas


(adoro, por isso postei novamente)
compartilhando... Meditação das Doze Noites Santas

As Doze Noites Santas é o período que vai da noite de Natal até o dia de Reis.

Ao longo deste período, através da luz espiritual que brilha das estrelas do Zodíaco, dádivas se derramam sobre todos aqueles que oram e vigiam.

Dos pés em direção a cabeça vivenciamos uma transformação de pessoas terrenas e materialistas em pessoas espiritualizadas, que olham o mundo com uma visão espiritual.

Esta é uma tradição da sabedoria antiga.
Quando se acendeu no céu a estrela há muito tempo esperada, os Reis Magos iniciaram a jornada até a criança que seria o novo Sol do Mundo.
Após doze noites, consideradas a partir de então sagradas, Eles puderam alcançá-la e ofertar em nome de toda a Humanidade, o incenso, a mirra e o ouro, acompanhados dos votos de que o espírito divino pudesse viver no pensar, sentir e querer humanos.

A cada Natal temos a chance de um novo nascimento.
E a cada ano, a oportunidade de uma nova vida.
Não podemos nos esquecer disto, pois precisamos urgentemente de forças espirituais, não apenas para cada um de nós individualmente, mas para o bem de todos.

Na meditação das noites santas podemos colocar na alma as sementes da Esperança em relação aos doze meses do ano anterior.

Dos pés em direção à cabeça podemos almejar a consolidação das forças do nosso ser e a transformação destas forças em qualidades verdadeiramente humanas.

DIA 25 DE DEZEMBRO: Na madrugada ou ao amanhecer do dia 25, acenda uma vela.
Deixe o silêncio e a devoção penetrarem na alma e a luz frágil da vela iluminar o seu espaço interno onde na vivência de seu próprio Eu, a verdadeira luz solar do Eu do Cristo se faça presente.
Nesta noite, da região de Peixes, os sábios da humanidade derramam suas bênçãos de sabedoria sobre você. Eles formam um círculo protetor em sua volta emanando a força que você precisa para se firmar nos próprios pés e tomar seu destino nas próprias mãos. Abra os braços e as pernas formando com o próprio corpo uma estrela de cinco pontas e diga:

Com firmeza eu ocupo meu lugar no mundo,
Com certeza eu caminho pela vida,
Com amor no íntimo do meu ser,
Com esperança em tudo que eu faço,
Com confiança no meu pensar,
Forças jorrem do meu coração.

Nas noites seguintes repita este passo. Aqueles que se sentem críticos e frágeis lembrem-se do estábulo de Belém onde em meio às condições mais adversas, de frio e penúria, nasceu a Criança divina.

DIA 26 DE DEZEMBRO: Nesta noite pense no que você quer alcançar no ano que chega e olhe também para o seu estado de saúde.
Da região de Aquário, o Anjo que tem sido o seu guia espiritual através de suas sucessivas vidas, irá iluminar suas metas individuais para o ano que se inicia e fortalecer a qualidade pessoal através da qual você se tornará o agente de sua própria saúde.

DIA 27 DE DEZEMBRO: Nesta noite anseie pelo bem de todos. Elevando a alma às alturas espirituais e se unindo ao ser do Cristo, a visão do seu lugar no mundo e do que você precisa realizar se tornará mais clara.
Da região de Capricórnio, os Arcanjos, espíritos das cosmovisões lhe trarão Coragem para alcançar suas metas.

DIA 28 DE DEZEMBRO: Nesta noite reavalie as suas qualidades pessoais.
Da região de Sagitário, os Arqueus, espíritos da personalidade lhe trarão as forças da inteligência que lhe erguem, lhe sustentam e apontam a direção do futuro. Eles injetam clareza no seu pensar para que você perceba e assuma o compromisso com o que há de melhor de si.

DIA 29 DE DEZEMBRO: Nesta noite procure ficar em paz consigo.
Da região de Escorpião os Exusiai, espíritos da forma, lhe trazem a capacidade de renascer das crises e de todos os processos de perda, impotência, dor e desespero.

DIA 30 DE DEZEMBRO: Nesta noite reconheça quais os pontos de equilíbrio de sua vida.
Da região de Balança, os Dynamis, espíritos do movimento, lhe trazem a capacidade para equilibrar na alma as forças de dispersão e ter uma vida coerente e harmoniosa.

DIA 31 DE DEZEMBRO: Nesta noite concentre-se, como o faz a semente, na essência do que você quer realizar.
Da região da Virgem, os Kyriotetes, espíritos da sabedoria, lhe trazem a capacidade de encontrar forças a partir do seu próprio interior para fazer desabrochar a sua vida.

DIA 1 DE JANEIRO: Nesta noite, abandone o medo dos desafios que você tem pela frente.
Da região de Leão, os Tronos, espíritos da vontade, lhe trazem poderosas forças para vencer as provas que as suas escolhas lhe trazem.

DIA 2 DE JANEIRO: Nesta noite deixe de lado a apreensão pelo que está em transição na sua vida.
Da região de Câncer, os Querubins, espíritos da harmonia lhe trazem a força de se harmonizar com o novo e criar aconchego para os momentos de transição.

DIA 3 DE JANEIRO: Nesta noite abra o seu coração, reconheça o bem em si e nos outros.
Da região de Gêmeos, os Serafins, espíritos do amor lhe trazem impulsos para vencer a barreira do individualismo e da solidão e encontrar sentido na união e na fraternidade.

DIA 4 DE JANEIRO: Nesta noite deixe seu olhar buscar novos horizontes para a sua vida.
Da região de Touro, o Espírito Santo lhe traz a força da persistência que leva ao progresso.

DIA 5 DE JANEIRO: Nesta noite pense em uma graça que você quer alcançar.
Da região de Áries, Cristo, o próprio filho de Deus, lhe traz a liberdade de ser você mesmo.

Fonte: Kabbalah Group
Texto original de Edna Andrade
© Permitida a reprodução em qualquer mídia, desde que citada esta fonte e mantidos
integralmente todos os demais créditos.

Namastê.


segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Solstício de Verão, 2012

O solstício de Verão acontece em 21/12/2012, 
sexta-feira, às 8:11h (9:11h do horário de verão) 
aqui no hemisfério Sul : início do Verão.
No hemisfério Norte, é solstício de Inverno: início do Inverno.

É o auge da Luz, comemorado pelos antigos com muita festa, onde se reverencia o corpo físico, pois o Deus e a Deusa estão jovens e cheios de energia: é o dia mais longo do ano, mas o dia vai diminuindo até o equinócio de Outono
.
A partir daí o comando é da Deusa (Lua, noite), mas o Deus (Sol, dia) ainda está vigoroso, forte, e fertilizando a Terra.
Agradecemos pelo que recebemos até o momento, e fazemos pedidos, preferencialmente relacionados com a energia e a saúde, mas também com prosperidade.

Para 2012 temos o Ascendente em Aquário e o Meio do Céu no final de Libra.
O Sol em 0' de Capricórnio na casa 11 e a Lua a 14' Áries na casa 3.
Os regentes são Saturno e Urano, e o planeta mais forte é Netuno.
Touro e Escorpião (com Saturno) interceptados, e Leão e Aquário regendo 2 casas.

Com a maioria dos planetas no IV Quadrante, a impressão é de transcendência e impessoalidade.
As energias estão mais voltadas para o coletivo do que o pessoal.
A exceção é a Lua em Áries, que simboliza a nossa inexperiência em assuntos coletivos e Júpter em Gêmeos, que nos traz aprendizado.

Mas os planetas estão quase todos à Leste demonstrando muita iniciativa pessoal e independência. Estamos ousados e um pouco rebeldes, não queremos esperar pelo outro ou por situações favoráveis, preferimos ir abrindo nossos caminhos por conta própria.

Estamos mais acostumados a pensar em termos de "eu" do que em "nós", por isso a experiência coletiva ou transcendente pode soar um pouco estranha, como um palavrão.

O Ascendente Aquário direciona para os grupos e fala de fraternidade e amizade entre as pessoas.
O Meio do Céu em Libra mostra que o ponto alto do evento é justamente o acordo, o diálogo, a justiça, harmonia e equilíbrio, e para isso não podemos pensar em termos de "eu", mas "nós", e isso é fortalecido pela presença de Escorpião inteiro aí, mesmo interceptado.

Saturno interceptado em Escorpião mas no Meio do Céu mostra a dificuldade e ao mesmo tempo a necessidade de mudanças interiores, a necessidade de compartilhar com justiça, trabalhando principalmente o medo e o apego.

As finanças vão mais ou menos bem, embora muitos estejam se endividando um pouco mais, porque Netuno dá a ilusão de facilidade (no fim, tudo vai dar certo..).
E Júpter, também regente da casa do dinheiro está retrógrado, fortalecendo a idéia de quitar débitos antigos primeiro.
Enfim, o dinheiro é seu, a decisão é sua.

Estamos bem animados, e os encontros com amigos são marcados pelo bom humor e também pelas longas polêmicas políticas, religiosas, filosóficas.

A oposição entre Júpter retrógrado e Mercúrio lança a idéia de reencontro, esclarecimento, pedido de desculpas se for o caso. Principalmente a idéia de se fazer compreender claramente. É bastante comum nesses dias que aconteçam encontros com pessoas que não temos muito contato durante o ano.

O trânsito está bem agitado, com muita pressa e um pouco de distração, é bom ter cuidado.

Mercúrio e Júpter em Recepção Mútua fortalecem o eixo do Pensamento, que com os bons raios de Urano fica um pouco acelerado. OK, estamos na era da informática, onde basta clicar aqui ou ali e as coisas aparecem e somem como uma magia que nossos antepassados não ousassem sonhar.
Mas continuamos humanos, precisamos respeitar nossas necessidades físicas.
Se o seu corpo acompanhar sua mente, tudo bem.
Caso contrário, reorganize sua rotina e desacelere a mente.

É um momento muito forte, de muita luz, o Sol está no máximo.
O Sol e a Terra estão alinhados por conjunção e oposição bem próxima com o Centro da Galáxia, como acontece EM TODOS OS ANOS nos dois solstícios: de Verão e de Inverno. No de Inverno as posições se invertem, e a Terra fica em conjunção e o Sol em oposição com o centro da Galáxia.
A conjunção exata acontece de 2 a 3 dias antes, TODOS OS ANOS há mais de um século!

A Terra em Câncer busca intimidade, aconchego e confiança.
Por isso, são dias ideais para os encontros com familiares e pessoas íntimas.

Para o Ano Astrológico, é a etapa final, quando estamos colhendo o que plantamos durante o ano, e já começamos a lançar novas sementes.
Portanto, além das festas, um momento para refletir, perdoar e planejar o futuro.
Um verdadeiro momento de luz.

Ainda valem as previsões da Lua Crescente e da Lua Cheia do texto de dezembro, 2012.
astrometeorologia: tempo quente. Ventos fortes. (valem as previsões das lunações)

Namastê.

domingo, 16 de dezembro de 2012

2013 astrológico

2013 é regido por Marte
que está em Áries, mas o planeta mais forte é Netuno, seguido da Lua, Vênus e Plutão.

O Ano Astrológico inicia em 20/03/2013, quarta-feira, 8:01h (em Porto Alegre, RS), quando o Sol está a 0 grau de Áries.
Diferente do Ano Novo do calendário, que inicia em 01/janeiro.

Astrologicamente, em 01/01/2013 ainda estamos vivendo o Ano Astrológico de 2012, na sua parte final, de colheita.
A partir do solstício, em 21/12/12, estamos colhendo e já começando a lançar sementes para o próximo ciclo, principalmente no último mês antes de 20 de março.

2013 deve ter muita novidade e muita mudança.

Os valores abstratos e internos serão mais importantes e levados em conta nos grandes movimentos das populações.
As pessoas estão dispostas a mudar situações e não se importam de pagar o preço por isso, trabalhar muito e enfrentar o desconhecido. Buscam segurança e a volta de uma relativa estabilidade familiar.
A tendência é de se unirem em grupos afins, que dialogam com outros grupos.

Hospitais e presídios serão assuntos constantes, e estarão entupidos de gente, como tem sido ultimamente, mas a situação consegue piorar um pouco mais, as reinvidicações serão muitas, o sêxtil de Júpter mostra algum benefício, mas o quadrado da Lua mostra que o benefício não será suficiente.

É um ano de grandes paixões e fortes emoções também.

Marte regendo o Ascendente do Ano está domiciliado em Áries, na casa 12.
Em Áries, é o Marte de todos os inícios e as mudanças que partem da própria pessoa. Mesmo que a casa 12 lhe atrase um pouco na vida prática, as mudanças começam pela casa 12, ou seja, internamente.
Há um desassossego inexplicável, que não se sabe de onde vem: é algo que começa no nosso íntimo, aquela vontade de mudar, de ser livre, de avançar.
Mas antes que isso aconteça, precisaremos começar por dentro, a partir de nós.
Em Áries, Marte é como um nascimento: muita energia, mas tudo ainda é desconhecido, e não conseguimos ir muito longe se não contarmos com algum apoio.
Mesmo com a impressão que podemos tudo, é como um neném, que não percebe a própria fragilidade.
Por isso, é um ano de mudança, avanço, novidades, sim, mas nada será conseguido de forma independente e solitária. Vamos sozinhos por algumas partes do caminho, mas por outras precisaremos estar unidos, agindo em conjunto.

A Lua em Câncer também é uma Lua sensível, como foi a de 2012 (em Peixes), e continua pedindo para respeitar a sensibilidade alheia, e a nossa própria.
Torna o humor instável e as pessoas inseguras, buscando proteção e estabilidade.
Está em oposição a Plutão em Capricórnio, que se traduz por escavações no passado, cristalização de medos e traumas, e a necessidade de desmanchar isso.
Enquanto estivermos fechados e com medo não sairemos do lugar, pois é isso que faz a Lua assim; pior: parados e estagnados é que somos mais vulneráveis aos predadores.
Essa Lua recebe quadratura de Marte e Urano, que deixa o humor e as emoções descontroladas.
Caso não encontre um canal de saída, se arrependerá depois.
Felizmente essa Lua está fazendo parte do Grande Trígono em Água, que além de ter um significado de proteção encontra por onde fluir.
A necessidade de segurança e estabilidade que as pessoas buscam deve se traduzir por uma nova maneira de formar famílias, a necessidade de grupos que apóiem os indivíduos.
As mulheres e as crianças terão avanços, mesmo que as mulheres sejam muito desafiadas nesse ano.
Quanto mais a sociedade desrespeita a mulher, mais se desestrutura, pois é a partir da mulher bem equilibrada, nutrida e esclarecida que os filhos são bem formados e bem criados.
A energia masculina quando não encontra a feminina, ou quando a desrespeita, fica solta e se torna destrutiva.
Uma das funções importantíssimas da mulher é a materninade, mas não é a única.
Através da maternidade, além de ser uma experiência pessoal indescritível, a mulher dá a base da sociedade toda.
Mas as mulheres que não podem ou não querem ser mães trazem consigo a sensibilidade que permite humanizar as relações no mundo. Isso para quem é machista soa sem importância, mas é a partir daí que se evitam guerras, que se distribui melhor os alimentos e as riquezas, e que se preserva o planeta.
Não querendo desmerecer a energia masculina, importantíssima para o progresso de todos, sem a feminina o resultado é o que estamos presenciando: guerras, devastação, etc.
A Lua canceriana parece que estará colocando isso tudo para fora.

Plutão ainda não chegou à metade do signo de Capricórnio, está desde 2011 remexendo as estruturas, hierarquias, os governos e as entranhas da terra, trazendo para fora o lixo e os tesouros.
Em 2013 permanece em Recepção Mútua com Saturno e em sêxtil, fortalecendo muito os dois (Plutão e Saturno).
Isso aumenta a importância de tudo o que é da terra e o que está abaixo ou dentro dela: agricultura, propriedades, a segurança da casa própria, as minas, água subterrânea, petróleo, lixo, lava do vulcão, energia (do petróleo, do carvão, outras).
Individualmente estaremos em erupção interna, em contato com nossa sombra e nossos talentos, pois tudo se mistura no escuro.
A atividade inconsciente aumenta muito, e nos coloca frente a frente com nosso Ser. Esse contato nem sempre é fácil, e por isso muitas vezes usamos de sonhos ou caminhos parecidos como um "filtro" para amenizar o impacto.
É um impacto mesmo, admitir defeitos e descobrir talentos. Falando ou escrevendo parece muito simples, mas isso causa uma grande mudança que no início não é perceptível para os outros, mas com o tempo vamos fazendo grandes transformações na vida.
O sêxtil traz a oportunidade de lidar com esses conteúdos de uma maneira mais fácil. Aumenta a produção dos assuntos citados (agricultura, minas, energia, terremotos, etc) e a nossa produção pessoal também, facilitando a expressão de talentos pessoais e incrementando a nossa capacidade de trabalhar.
Urano quadrando Plutão nos desafia a não ter medo do futuro, não ter medo de fazer grandes mudanças na vida, se isso se apresentar para nós. Essa quadratura não nos deixa descansar muito, mas nos leva para a frente.
Não é tempo para se acomodar, mas de enfrentar os obstáculos.

Mercúrio fraco em Peixes mas em conjunção com Netuno amplifica muito a nossa percepção.
Mercúrio é o planeta regente da nossa percepção pessoal e maneira de raciocinar, aquela parte que aprende e que lida com os detalhes. Em Peixes Mercúrio joga sua atenção para o todo, e mesmo que perca um pouco da sua destreza e raciocínio lógico consegue ir além e perceber o que está distante, e o futuro.
Em Recepção Mútua com Júpter, mas em quadratura, o pensamento está acelerado. As capacidades mentais e intelectuais estão muito estimuladas, ficam favorecidos os estudos e pesquisas, mesmo com uma grande tendência a se distrair.
Quanto a isso, é preciso se concentrar um pouco mais e manter o foco, pois muita coisa estará nos distraindo. Será impossível acompanhar uma mente acelerada. Por isso é importante fazer uma boa seleção de prioridades.
O intercâmbio entre as pessoas estará maior.
As comunicações, telefones, internet e o trânsito estarão congestionados, com cada vez mais gente entrando na rede e adquirindo automóvel. Além de soluções criativas, serão necessários bons investimentos nesse setor para que não entre em colapso.
Com um regendo o ensino básico e outro as universidades, a quadratura mostra a grande diferença de nível cultural das pessoas, com pessoas com tantos títulos e conhecimentos enquanto outras sequer conseguem ler ou escrever.
Algo deve ser feito quanto isso. Astrologicamente me parece que sim, embora pessoalmente eu não acredite mais muito.

No primeiro semestre voltados para o futuro e querendo ir para a frente de qualquer maneira, no segundo teremos Saturno e Urano retrógrados e a partir de 25/06 Júpter em Câncer, o que volta a atenção mais para o passado e para corrigir os erros causados pela nossa pressa.
No segundo semestre julho e agosto devem ser os meses mais tensos, mas os desafios terão assistência do Grande Trígono em Água, agora formado por Netuno, Saturno e Júpter/Marte/Mercúrio.
Principalmente nesses meses precisaremos de muita calma e autocontrole, pois as emoções estarão a flor da pele. Com Mercúrio em Câncer e retrógrado o raciocínio estará pouco claro, e nossas percepções sujeitas a erros, embora a intuição esteja aguçada. Marte em Câncer volta sua energia para dentro, como uma panela de pressão, e antes de implodir, explode no primeiro que aparece, o que torna o convívio social bem difícil.
Se puder, tire férias nesse período.
Caso não possa, tome muito cuidado com os excessos, as drogas, o álcool, coisas que lhe tirem do eixo. Observe-se muito nesse período, para não cair em comportamentos compulsivos, paranóia e gastos que vão além de suas possibilidades.
Não se cobre perfeição, principalmente nesse período.
Cuide mais da saúde, não abuse do físico, não se sobrecarregue de trabalho ou de atividades.
E além disso, não se fixe no passado.
Se o dia a dia estiver ruim, permita-se sonhar um pouco, assista um bom filme ou curta boa música, são coisas que refrescam o elemento Água.

Urano e Plutão ainda estão no clímax da fase crescente do ciclo, isso ainda continua até 2015, atuando a nível mundial.
São as grandes lutas de poder envolvendo os governos e as massas.
Parece incrível, mas ainda teremos surpresas e escândalos com governantes e chefes poderosos.
Penso que não me surpreendo nem me choco mais tanto com tanto escândalo e corrupção generalizada, mas o céu me diz que ainda tenho surpresas..
Então vamos lá, lutas de poder nos governos, quando virão a público mais escândalos.
Plutão remexendo as estruturas hierárquicas quadrando Urano que quer mudanças e está disposto a tudo. Isso quer dizer cocô no ventilador, já que os podres virão de dentro para fora. É grande a possibilidade de traição dentro do poder entre eles mesmos (acho que já vi esse filme..).

As decisões e atitudes serão autoritárias e ditadoras, com pouco diálogo, uso da força e medidas extremas para fazer valer a vontade de quem está no poder. O objetivo é manter a situação a qualquer custo, desprezando as necessidades pessoais das populações.

Os sistemas de governo mais radicais e concentradores de poder enfrentarão verdadeiras catástrofes internas. Quanto mais fechado o sistema, mais alto deve ser o tombo.
Urano em quadratura a Plutão desafia a uma profunda reforma na maneira de governar.

As comunicações e a mídia estão divididas e é bom para o povão que assim seja, pois uma parte estará aliada com o poder e outra parte não.

Os povos e pessoas mais desprezados e marginalizados parecem se unir contra a situação de submissão que estão expostos, mas encontram mais compreensão e bondade na justiça do que nos governantes.

As finanças e os bancos não vão bem mundialmente, e parece haver uma união de várias classes de pessoas, ricas e pobres, com o objetivo de mudar essa situação. Os trabalhadores conseguirão alguns acordos com os governos, mas haverá ilusões aí.

A atuação das ONGs realmente sérias estará mais forte e ganhará a simpatia de mais gente, e mais adeptos. Mesmo combatidas por muitos, terão avanços e conquistas importantes para a população necessitada.

São previstas muitas mudanças geológicas e sociais, muita briga pela questão energética e pelas águas do planeta, algumas guerras também.

astrometeorologia: O clima continua louco, praticamente imprevisível, já que estão presentes nessa carta as tempestades violentas, inundações, ventos muito fortes, desabamentos e muitos desabrigados.
Tem agitação nas águas, na terra e nos ventos. Isso quer dizer alagamentos, agitação no mar ou nos rios, desabamentos e ventos fortes tipo ciclones. Muitos choques de frio e calor e muita umidade no ar.
Um Grande Trígono é sempre um sinal de proteção, em 2013 temos um em Água.

O Grande Trígono envolvendo Netuno/Mercúrio, Saturno e Lua em Água e casas de Ar traz alguma esperança para a população comum (a Lua está envolvida) e mostra claramente que a proteção da sociedade está em manter uma união forte entre pessoas e classes bem diferentes.
Quem sabe chegue à consciência de mais pessoas que vivendo neste planeta estamos "todos no mesmo barco".

A espiritualidade é algo necessário, penso eu. Tanto porque o regente está na casa 12 e regido por Netuno, além disso há aí um stellium, como também por crenças pessoais.
Mas para quem não acredita em nada, há outros caminhos, como os trabalhos voluntários, assistência aos pobres, o sentido de pertercermos todos ao mesmo planeta, a consciência de que cada ação faz diferença no futuro e hoje também.
Esse sentimento/sensação (Água) na consciência (Ar) das pessoas pode ser a grande diferença na maneira como lidamos com a Mãe Terra, e com seus habitantes todos.
Quem sabe se não é por aí que encontramos um caminho melhor?

Namastê.

2013: Saturno na regência cabalística e uma visão para os signos

Saturno, Senhor do Carma, o Guardião do Umbral
(no final do texto, análise para os signos, válidas para o Sol, Ascendente e Lua)

Saindo do sensível ano da Lua na regência Cabalística, entramos em 2013 com a regência cabalística de Saturno, o velho sábio, nosso professor.

Estão em destaque o trabalho, a concentração e o esforço nas nossas metas, a seriedade, as tradições, a visão futurista, atuação em grupos, as relações de patrões e empregados, os sindicatos, as greves, a atuação forte do governo, a vida prática.

Saturno beneficia quem trabalha e cobra de quem não o faz.

Com sua antiga fama de Grande Maléfico, Saturno não nos nega nada, mas exige o máximo do nosso esforço e não tolera desobediência às regras.

Tudo o que conquistamos sob a influência de Saturno tende a ser difícil, mas duradouro.

Estimula mais a participação social do que a vida íntima.
Mas considera a família um assunto fundamental.
Por isso, em 2013 o indivíduo não tem tanta importância quanto o coletivo, que, por sua vez, ampara o indivíduo.

A vida profissional e familiar são assuntos atuantes nesse ano.
A familiar não no sentido da Lua, como em 2012, mas se refere mais ao estado de união da família, à sobrevivência do grupo, à proteção, educação e preparo dos mais frágeis, o respeito às regras da hierarquia, o amparo dos idosos, a opinião dos sábios, experientes ou peritos.
A profissional no sentido de conquistar seu lugar, se sentir seguro, subir a montanha.

É um ano que pede maturidade, paciência, esforço, disciplina e muita concentração.

Estão em destaque os assuntos não resolvidos do passado, a construção de bases sólidas, as pessoas mais velhas, as autoridades, o ensino e o trabalho.

Muitos questionamentos a respeito da maneira como a civilização é organizada e da atuação dos governantes.

Junto com Júpter, Saturno forma um par "social", com Urano representa a eterna luta entre o velho e o novo, e como último planeta visível a olho nu representa o Guardião do Umbral, aquele que não nos deixa passar (ou sair) se não estivermos prontos
.
Nesse sentido, Saturno é um grande Professor, que nos ensina lições importantes e força o amadurecimento.

Amadurecer não é um processo divertido, muitas vezes acompanhado de sofrimento ou dor, causa de sua fama de Grande Maléfico.
Mas esse processo nos permite sobreviver, ultrapassar condições difíceis e conquistar o que buscamos.

Também é conhecido como o Senhor do Carma, porque nos cobra o passado.
É o momento de solucionar todas as pendências, perdoar e seguir em frente. O que fizemos mal feito, ou deixamos de fazer, fará diferença e terá que ser trabalhado.
Saturno atuando negativamente se fixa no passado e vive em função de relembrar mágoas e remoer angústias, empacando a sua própria vida.

A principal meta de Saturno é se sentir seguro e proteger sua família.

Pode ficar ganancioso porque nunca acha que tem, sabe ou trabalha o suficiente.
Sua ambição é positiva e lhe leva ao topo, mas se for desmedida lhe deixa solitário, rico, poderoso, seguro e amargo no topo.
E é aí que Saturno deve atuar sobre si mesmo, impondo limites.

O limite do limite, senão cristalizamos, ficamos presos.

Saturno também representa nossos limites pessoais.
Nesse sentido, é o máximo do potencial de nosso mapa. 
Junto com Capricórnio e o Meio do Céu mostra o nosso ponto mais alto, nossas maiores conquistas, porque é nossa fronteira, dali não passamos.

Então, em 2013 estaremos discutindo limites.
Isso nos leva a grande discussão de leis e educação, principalmente.
Continua em alta a atuação dos governos e poderes estabelecidos, que serão questionados e obrigados a trabalhar bastante, mas atuando com muita austeridade e pouco diálogo.

Estão em evidência os limites de nossa paciência, os limites do nosso cansaço, do nosso esforço, da nossa persistência.

Como ponto máximo, auge (o topo da montanha de Capricórnio), Saturno, Capricórnio e o Meio do Céu nos mostram nossa atuação no mundo, a que viemos, por que somos necessários aqui, enfim, qual a nossa missão e traduzindo: a nossa vocação.

Nos pontos tocados por eles nós teremos medo, nos sentiremos inseguros e precisaremos estudar e nos preparar bem para atuar. 
Esse esforço nos leva a conhecer o assunto com profundidade e atuar com eficiência, nos tornar peritos, e a consequência disso é o sucesso profissional, o progresso financeiro, a conquista.

Saturno é lento e pesado, e leva isso para 2013 diminuindo o ritmo das conquistas e aumentando o peso do esforço.

Como Professor, também representa um ano de testes.
Assim como no colégio, podemos passar ou ser reprovados (daí repetiremos a experiência).

Passar por Saturno representa a liberdade.
Liberdade não se ganha, se conquista.
E um dos seus testes é a responsabilidade.
Liberdade e Responsabilidade andam juntas.

Também chamado de "Embaixador da Galáxia", só passando por Saturno é que podemos alcançar os níveis de Urano, Netuno e Plutão a nível pessoal e de sociedade (grupo).

Porque a partir de Saturno os outros não são visíveis, estão na parte da fronteira da Galáxia e fazem contatos com outros mundos.

Ninguém desestruturado ou irresponsável consegue sequer perceber esses níveis, muito menos atuar em conjunto com eles.

Saturno, o máximo do materialismo, na verdade não é inimigo da espiritualidade, é um protetor dos níveis mais sutis, cobrando condições mínimas de preparo para entrar em outras dimensões. 
Isso não nega nada, apenas protege os imaturos de muitos problemas e protege o mundo astral de contaminações.
Por isso, também representa a Iniciação.

Em 2013 destaca para os signos:

ÁRIES, a casa 10: posição social, vocação, nova direção na vida, conquistas, profissão, vida social. Relacionamentos com Pais, chefes e autoridades. Você estará mais autoritário do que de costume, questionando as regras e ordens, e liderando. Favorece as mudanças importantes na vida.
e a casa 11: Atuação em grupos, comunidades, partidos políticos, igrejas, clubes. Participação social mais ativa. Mais proximidade dos amigos. Protetores ou padrinhos. Você conseguirá mais atuando em conjunto do que por iniciativas independentes.

TOURO, a casa 9: Contatos com estrangeiros e tudo o que foge à rotina, tipo pessoas diferentes ou distantes, viagens, intercâmbio. Filosofia de vida, crenças pessoais, religião, ideais e objetivos de vida, ambição. Qualquer tipo de estudo e busca pela sua vocação. Vontade de expandir sua vida.
e a casa 10: posição social, vocação, nova direção na vida, conquistas, profissão, vida social. Relacionamentos com Pais, chefes e autoridades. Você estará mais autoritário do que de costume, questionando as regras e ordens, e liderando. Favorece as mudanças importantes na vida.

GÊMEOS, a casa 8: Partilhas. Sociedades comerciais, financeiras e lucrativas. Aplicação e organização do dinheiro. Impostos e taxas, pensões, direitos autorais, heranças. Sexualidade. Crises. Ocultismo. Cirurgias. O sono. A morte. Ano de profundas transformações a nível pessoal.
e a casa 9: Contatos com estrangeiros e tudo o que foge à rotina, tipo pessoas diferentes ou distantes, viagens, intercâmbio. Filosofia de vida, crenças pessoais, religião, ideais e objetivos de vida, ambição. Qualquer tipo de estudo e busca pela sua vocação. Vontade de expandir sua vida.

CÂNCER, a casa 7: Casamento. Divórcio. Sociedades, lucrativas ou com outro objetivo. Associações, duplas. Atuação na vida social. Relacionamentos íntimos, amizades e amores. Oficialização de situações. Reconciliações e separações. Contratos e documentos escritos. Processos na justiça. Inimigos assumidos. Necessidade de dialogar e negociar.
e a casa 8: Partilhas. Sociedades comerciais, financeiras e lucrativas. Aplicação e organização do dinheiro. Impostos e taxas, pensões, direitos autorais, heranças. Sexualidade. Crises. Ocultismo. Cirurgias. O sono. A morte. Ano de profundas transformações a nível pessoal.

LEÃO, a casa 6: o cotidiano, a rotina, o trabalho do dia a dia. Produtividade, ritmo pessoal. Saúde. Doenças adquiridas pelo trabalho ou descuido. Higiene, hábitos, cuidados com o corpo físico. Relacionamento com colegas de trabalho, chefes e subordinados. Cursos técnicos e de nível médio. Cursos de aperfeiçoamento. Precisará de paciência para lidar com assuntos, pessoas ou situações que lhe limitam ou subordinam. É um ano de preparo e de testes. Relação com animais de estimação.
e a casa 7: Casamento. Divórcio. Sociedades, lucrativas ou com outro objetivo. Associações, duplas. Atuação na vida social. Relacionamentos íntimos, amizades e amores. Oficialização de situações. Reconciliações e separações. Contratos e documentos escritos. Processos na justiça. Inimigos assumidos. Necessidade de dialogar e negociar.

VIRGEM, a casa 5: Vocação, talentos naturais, expressão pessoal. Criatividade. Hobbies. Jogos e apostas. Especulações financeiras. Aventuras. Amores. Sexualidade. Beleza. Filhos. Crianças. Diversões e festas. Sua criança interior. Bom ano para fazer o que gosta e para mostrar seus talentos ao público.
e a casa 6: o cotidiano, a rotina, o trabalho do dia a dia. Produtividade, ritmo pessoal. Saúde. Doenças adquiridas pelo trabalho ou descuido. Higiene, hábitos, cuidados com o corpo físico. Relacionamento com colegas de trabalho, chefes e subordinados. Cursos técnicos e de nível médio. Cursos de aperfeiçoamento. Precisará de paciência para lidar com assuntos, pessoas ou situações que lhe limitam ou subordinam. É um ano de preparo e de testes. Relação com animais de estimação.

LIBRA, a casa 4: Vida em família. O lar, a casa. Imóveis. Relacionamentos íntimos, com pais e com filhos, com amigos antigos. Suas origens, raízes. Formação ou dissolução da família. Energia voltada para dentro de si, para dentro e para o passado, buscando as causas de situações atuais. Formação de bases internas. O sono, os sonhos, pressentimentos, intuição, comunicações telepáticas. Propriedades. Preocupações com segurança, futuro e velhice. Ano de buscar segurança.
e a casa 5: Vocação, talentos naturais, expressão pessoal. Criatividade. Hobbies. Jogos e apostas. Especulações financeiras. Aventuras. Amores. Sexualidade. Beleza. Filhos. Crianças. Diversões e festas. Sua criança interior. Bom ano para fazer o que gosta e para mostrar seus talentos ao público.

ESCORPIÃO, a casa 3: Maneira de pensar e raciocinar. Capacidade de aprender. Informações novas. Relacionamento com pessoas próximas de você, vizinhos, irmãos, primos, parentes, colegas. Ensino básico e cursos técnicos. Pequenas viagens, por perto de onde você mora. Comunicações. Trânsito. Carro, ônibus, telefone, internet. Ano movimentado, com muita atividade próxima a você, e sua capacidade de se comunicar e dialogar será importante. Novas pessoas e conhecimentos.
e a casa 4: Vida em família. O lar, a casa. Imóveis. Relacionamentos íntimos, com pais e com filhos, com amigos antigos. Suas origens, raízes. Formação ou dissolução da família. Energia voltada para dentro de si, para dentro e para o passado, buscando as causas de situações atuais. Formação de bases internas. O sono, os sonhos, pressentimentos, intuição, comunicações telepáticas. Propriedades. Preocupações com segurança, futuro e velhice. Ano de buscar segurança.

SAGITÁRIO, a casa 2: O dinheiro. A maneira como você usa suas posses e talentos. Como ganha seu dinheiro e como o gasta. Saúde. Valores (materiais, éticos e morais). Sobrevivência. Segurança. Ano de crescer financeiramente, organizar suas finanças, cuidar do corpo. Ano de definir o que é mais importante em sua vida.
e a casa 3: Maneira de pensar e raciocinar. Capacidade de aprender. Informações novas. Relacionamento com pessoas próximas de você, vizinhos, irmãos, primos, parentes, colegas. Ensino básico e cursos técnicos. Pequenas viagens, por perto de onde você mora. Comunicações. Trânsito. Carro, ônibus, telefone, internet. Ano movimentado, com muita atividade próxima a você, e sua capacidade de se comunicar e dialogar será importante. Novas pessoas e conhecimentos.

CAPRICÓRNIO, a casa 1: Corpo físico. Vitalidade. Aparência. Personalidade. Imagem de si mesmo. Imagem que projeta. Coisas novas na vida. Mudanças na aparência. Importância de ter uma boa saúde. Novos objetivos. Decisões importantes. Independência. Ousadia.
e a casa 2: O dinheiro. A maneira como você usa suas posses e talentos. Como ganha seu dinheiro e como o gasta. Saúde. Valores (materiais, éticos e morais). Sobrevivência. Segurança. Ano de crescer financeiramente, organizar suas finanças, cuidar do corpo. Ano de definir o que é mais importante em sua vida.

AQUÁRIO, a casa 12: Provações, grandes obstáculos, isolamento. Espiritualidade. Saúde psíquica. Atrasos. Hospitais. Caridade. Transcendência. Afastamento do mundo prático e contato com o mundo psíquico e astral. Sono, sonhos, visões, intuição, insights. Capacidade de compreender o que os outros não percebem. Difícil para a vida material, é necessário ter bastante disciplina nesse ano com sua saúde, situação financeira e obrigações. As tarefas normais do cotidiano lhe parecem mais pesadas do que de costume. Relacionamento com pessoas diferentes e marginalizadas. Sensibilidade para as artes, a música, a beleza. A solidão produtiva leva você a se despedir daquilo que não é essencial em sua vida e ficar com aquilo que é mais importante. Ano de despedidas e decisões.
e a casa 1 Corpo físico. Vitalidade. Aparência. Personalidade. Imagem de si mesmo. Imagem que projeta. Coisas novas na vida. Mudanças na aparência. Importância de ter uma boa saúde. Novos objetivos. Decisões importantes. Independência. Ousadia.

PEIXES, a casa 11: Atuação em grupos, comunidades, partidos políticos, igrejas, clubes. Participação social mais ativa. Mais proximidade dos amigos. Protetores ou padrinhos. Você conseguirá mais atuando em conjunto do que por iniciativas independentes.
e a casa 12: Provações, grandes obstáculos, isolamento. Espiritualidade. Saúde psíquica. Atrasos. Hospitais. Caridade. Transcendência. Afastamento do mundo prático e contato com o mundo psíquico e astral. Sono, sonhos, visões, intuição, insights. Capacidade de compreender o que os outros não percebem. Difícil para a vida material, é necessário ter bastante disciplina nesse ano com sua saúde, situação financeira e obrigações. As tarefas normais do cotidiano lhe parecem mais pesadas do que de costume. Relacionamento com pessoas diferentes e marginalizadas. Sensibilidade para as artes, a música, a beleza. A solidão produtiva leva você a se despedir daquilo que não é essencial em sua vida e ficar com aquilo que é mais importante. Ano de despedidas e decisões.

Informações "técnicas" de SATURNO

Simboliza: os homens, principalmente o pai. Velhos. Autoridades. Chefes. Trabalhadores. As que trabalham muito e as que comandam.

Personagens: Pessoas idosas, que recorremos em momentos difíceis: médico, padre, xamã, avô, o Sábio solitário. A pessoa amargurada, os adversários.

Idade: a velhice. Dos 68 até a morte. Quando abre mão das ambições e busca conhecimento. Quando aguarda a morte.

Profissões: que exijam profunda concentração e cuidado profissional. Cientista, laboratórios, museus, arquivos. Trabalho com pedras preciosas, trabalhos na terra e à noite. Agricultura, mineiros, coveiro, guarda noturno, ourives, joalheiro. Trabalhos difíceis e pesados. Estivador, faxineiro, carregador de coisas. Trabalhador braçal. Cargos de chefia e projeção social. Executivos, administradores, contadores, matemáticos. Filósofos, professores, juiz, crítico, engenheiro, arquiteto, astrônomo, construtores, escultores, monges. Prefere trabalhar sozinho, à noite, escondido, ou chefiando. Profissões que usem o passado e exijam pesquisa.

Lugares: a montanha. Os locais em baixo da terra, subsolo. As pedras. Os prédios altos.

Positivo: Humildade. Modéstia. Responsabilidade. Prudência. Calma. Capacidade e coragem de ser o que é e enfrentar as consequências de suas escolhas. Maturidade. Experiência. Disciplina. Persistência. Confiabilidade. Estabilidade. Segurança. Trabalho. Esforço. Não desiste de seus objetivos. Cumpre seus deveres. Cuida dos que ama. Realista. Prático. Fala a verdade. Cria estruturas e bases sólidas onde possa se apoiar, e oferece esse apoio a quem ama. Organizado. Adquire paciência e sabedoria, e quanto mais conhecimento adquire mais humilde e simples se torna.

Negativo: Dureza de sentimentos. Medo de fracassar, de tentar coisas novas. Agarrado ao passado. Intransigente. Não questiona as regras, mas as obedece porque são da tradição. Obstinado, compulsivo. Avarento. Mesquinho. Egoísmo, retém tudo para si (dinheiro, conhecimento, amor). Lento. Inibido, frio, constrangido. Falsidade. Frieza. Não consegue se divertir e nem perdoar. Intolerância. Pessimismo. Crueldade. Malícia. Desconfiança. Orgulho.

Elemento: terra e ar

Partes do corpo: os ossos, partes duras, dentes, cabelo, pele, unhas, articulações, tendões, joelhos, baço, ouvidos.

Doenças: Osteoporose, atrofias, endurecimentos, calcificações, obstruções. Formação de pedras. Reumatismo, ureia, deformidades, fraturas, quedas. Coisas que se depositam no organismo. Surdez. Problemas de pele. Paralisia. Surdez. Resfriado e todas as doenças do frio.

Posição no mapa astral: é como uma pedra, que "pesa" ou sufoca o local que está no mapa. Nessas áreas somos quase proibidos, desqualificados, temos medo e representam nosso limite. Onde teremos que os esforçar, crescer, aprender, e onde teremos as maiores conquistas também. Se não nos tornarmos compulsivos na área de Saturno, aí é que alcançaremos a liberdade, que atua sob a regência de Urano.
Mostra as nossas vulnerabilidades, e de que maneira iremos amadurecer. Um dos indicadores da profissão. Onde teremos que ser disciplinados e práticos. Onde trabalharemos muito. São as restrições que ultrapassamos pelo nosso próprio e trabalho. As conquistas mais importantes. O que será duradouro. O que se desenvolve lentamente. Não é individual, embora indique as conquistas pessoais. Mostra nosso relacionamento com o coletivo.
Metal: chumbo

Plantas: venenosas, com espinhos, tóxicas ou alucinantes. Cactus, cicuta, papoula.

Pedras: ônix e diamante

Cores: tons de pastel, marrom, preto, azul bem escuro, cinza, sub tons de vermelho escuro.

Mito: Chronnus, Senhor do Tempo, filho mais jovem de Urano e Gaia.
Entra num acordo com a mãe Gaia e corta os testículos do pai Urano. Mas Urano não morre, é imortal, e de tão fértil que era ainda fertiliza o mar enquanto perde os testículos e é o pai de Vênus. Os órgãos de Urano continuam fertilizando a natureza ininterruptamente. O que morre é o Reino de Urano, que passa a ser de Saturno.
Chronnus se une a Réia (Cibele) e constrói o seu Reino, que é de riqueza e fartura.
Mas a Profecia lhe disse que perderia o trono para um filho, assim como seu pai.
Por isso, ele engole todos os seus filhos. Mas novamente o mais novo de seus filhos, Júpter, foi salvo pela mãe, que deu a Saturno (Chronnus) uma pedra para engolir no lugar do filho.
Júpter derrota seu pai Saturno e o prende no tártaro por 10 anos. Isso representa o ciclo de Júpter Saturno que é de 20 anos, 10 anos para cada um.
Em Roma eram realizadas as festas chamadas Saturnálias, em honra a esse deus.
Invertiam as hierarquias, o rei e toda a corte ficavam presos no castelo, onde ninguém entrava. Nesses dias uma pessoa do povo, geralmente um escravo, era coroado Rei e mandava em toda a cidade. No último dia esse escravo era morto.
Essas festas eram realizadas no solstício de inverno, durante a entrada de Capricórnio, e muitos dos seus elementos e símbolos foram copiados pelos cristãos, dando origem ao Natal, pois eles não sabiam a data de nascimento de Jesus Cristo e queriam tirar do povo o costume de suas festas pagãs, onde havia muito sexo e bebedeira, parecido, mas um pouco mais ousado do que é hoje o nosso Carnaval.

Na Astronomia: Último planeta visível a olho nu, por isso o último conhecido pelos antigos que, no entanto, afirmavam que existiam outros além dele.
É rodeado por anéis feitos de material congelado.
Sua densidade é tão pequena que se o colocassem sobre o oceano, ele flutuaria.
É frio, distante do sol, como um pedaço de gelo no espaço, e cheio de gases.
Um ano em Saturno leva 25.824 dias.
Leva quase 30 anos para passar por todos os signos (o Sol leva 1 ano), e fica aproximadamente 2 anos e meio em cada signo (o Sol fica 1 mês).
Possui ventos que alcançam até 1.800 km/h.
Seu núcleo é rochoso, coberto de hidrogênio metálico, depois hidrogênio líquido e uma atmosfera cheia de gases.
Suas luas são compostas de gelo, com exceção de uma delas, Titã.
Sua rotação é acelerada, e o dia lá dura 10 horas e 40 minutos.

Namastê.