...

Precisei colocar a moderação nos comentários por causa de alguns spans que pintaram por aqui.
Você, que não é spam, faça o seu, fique a vontade.
Namastê.

Consagração do ambiente

As previsões feitas nesse blog são gerais, falam do astral do período, não são direcionadas para o indivíduo. Para fazer previsões pessoais, você precisa consultar um(a) astrólogo(a) ou numerólogo(a) e usar seu mapa astral ou numerológico de nascimento. Não estou atendendo consultas até me aposentar, estou em outro trabalho. Faço o blog porque gosto.

O som das Fadas da Noite

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

eclipse total do Sol 21/08/2017


O eclipse do Sol será total na Lua Nova de 21/08/2017 segunda-feira 15:30h de Brasília.
22° eclipse da série Saros 145 (77 eclipses solares - primeiro 04/01/1639 2:00h Brasília e último 17/04/3009 8:29h Brasília), que inicia no Norte e termina no Sul.
O eclipse anterior dessa série foi em 11/08/1999 8:08h (eclipse total do Sol 18° Leão visível no Brasil)

 e o seguinte será em 01/09/2035 22:59h (eclipse total do Sol 9° Virgem não visível no Brasil).

Saros 145 primeiro eclipse:

Saros 145 último eclipse:

Duração do eclipse de 21/08/2018 na fase total: 2 minutos 40 segundos.

Início no mundo todo 12:30h e fim 18:05h (horário de Brasília).

Em Brasília, início 16:55h e fim 17:39h.
Nos locais visíveis do Brasil em geral, início 14:50h e fim 18:03h.

Visível em: América do Norte, América Central, Caribe, Norte da América do Sul, Oeste da Europa, Oeste da África,Oceano Pacífico e Oceano Atlântico.

No Brasil: visível ao Norte, (como eclipse parcial) principalmente em Manaus, Boa Vista, Macapá, Rio Branco, Belém e Porto Velho. Aqui no Sul não será visível.
Em Brasília, será visível um eclipse parcial.

Regiões brasileiras - visibilidade e horários: (Regiões Norte e Nordeste visível até 40%, Região Centro Oeste até 10%, Região Sudeste até 6%, Região Sul não será visível, em Brasília 2%) http://www.astrope.com.br/o-aguardado-eclipse-solar-total-de-21-de-agosto-de-2017/

efeito astrológico do eclipse:
no mundo todo: 5 meses e meio (75 dias antes 75 dias depois)
local onde é mais visível: 4 meses (60 dias antes 60 dias depois)
no Brasil: 3 meses (45 dias antes 45 dias depois)
em Brasília: 28 dias (14 dias antes 14 dias depois)

efeito astrológico, por outro cálculo:
no mundo todo: 84 dias (42 dias antes 42 dias depois)
onde é mais visível: 64 dias (32 dias antes 32 dias depois)
no Brasil: 48 dias (24 dias antes 24 dias depois)
Brasília: 12 dias (6 dias antes 6 dias depois)

Muitos astrólogos desprezam esses cálculos e consideram o efeito astrológico de um eclipse até o próximo (aproximadamente 6 meses).

mapa da Lua Nova, para Brasília

No simbolismo do eclipse encontramos, para o último decanato de Leão "grandes problemas nas cidades, sitiamento, saques ou pessoas presas e profanação de lugares sagrados" (Sepharial).

Sol e Lua em conjunção de 1°11' com a estrela Regulus, "o coração do Leão", que representa a realeza, nobreza, ambição, grande poder, status e liderança.
Considerada um estrela benéfica mas também prevê quedas súbitas, acidente e violência.

A Lua (passado, emoções, população) oculta o Sol (futuro, razão, governos) ambos no Nodo Norte e casa 8.

No eclipse anterior (07/08/2017) a Lua foi ocultada, e agora é a vez da sua "vingança".
É importante em épocas de eclipse equilibrar razão e emoção, pois a balança vai rapidamente de um lado para o outro.

A Lua no eclipse do Sol absorve a força do Sol e não reflete nada.
O subconsciente, a alma, fica sobrecarregada.
Tendência de comportamento automático e compulsivo.
Tendência ao comportamento egoísta (Leão na casa 8 e Lua Nova) pois as necessidades pessoais de conforto, segurança e prazer assumem o comando e, nunca ficam satisfeitas, buscam sempre mais (Nodo Norte).
Uma dessas necessidades é a dependência de aprovação do grupo: o indivíduo se perde nos ideais sociais, religiosos, políticos, culturais, etc do grupo e nega sua criatividade pessoal.

O passado se sobrepõe ao futuro.
Cobranças antigas, assuntos mal acabados, relacionamentos passados, assuntos de família.
O passado vem para fora: consequências importantes de ações passadas (recompensas ou aprendizado).

Medo de novidades e de mudanças.

O eclipse na casa 8 mostra problemas para compartilhar recursos e emoções - nos negócios e nos relacionamentos, concentrando em si mesmo ou escondendo as demonstrações afetivas e o dinheiro.

Felizmente há o simbolismo de cura e regeneração da casa 8, que também indica recuperação de situações tidas como perdidas, possibilidade de reverter situação financeira difícil recuperando prejuízos e quitando dívidas, recuperar relacionamentos, encontrar coisas perdidas ou pessoas importantes que não se via há muito tempo, e, claro, curas (recuperação da saúde).

No período anterior prevaleceu a razão com tendência de frieza, e agora a emoção toma o comando.
Lua em Leão na casa 8 se refere a condicionamentos, poder, emoções reprimidas.

A casa 8 é conhecida como a "lata de lixo cósmica" não porque ela seja um lixo - não é - mas porque é lá que jogamos o nosso lixo: tudo o que não queremos ver, não queremos lidar, temos medo, vergonha, raiva, tristeza, etc.
Esses conteúdos não ficam estáticos, eles continuam vivendo ali mesmo se os ignorarmos.
Quanto mais conscientes estivermos deles, menos eles comandarão nossa vida, menos surpresas desagradáveis.

Por isso foi tão importante a tomada de consciência no eclipse anterior.

Esse eclipse não joga luz sobre essas emoções, ao contrário, elas se "apagam" mas estarão comandando.
Ou seja: um comando "invisível" para quem evitar olhar para dentro de si mesmo.
Um comando sem luz, de alguma forma cego.

O trígono exato com Urano em Áries é uma compensação para não andar às cegas. Funciona como um guia intuitivo e uma abertura para os medos, através de compreensões profundas.

Para alguns, pode ser tempo de impulsividade, compulsão, descontrole e tempestades emocionais.
Com as emoções no comando, é desejável que elas estejam positivas e saudáveis.

Em Leão a Lua gosta de brilhar e aparecer, mas na casa 8 não gosta de demonstrar o que sente.
Temos como resultado um super dimensionamento das emoções.
Hipersensibilidade contida na casa 8, porém forte porque a Lua comanda.

A Lua (emoção) absorve o brilho do Sol (nobreza) e Marte combusto (agressividade, fraqueza).

Sol e Lua fazem trígono com Saturno e Urano e sextil com Júpter (avanços sociais).

Ao mesmo tempo se forma um Grande Quadrado Cardinal entre Vênus (Câncer), Júpter (Libra), Plutão (Capricórnio) e Urano (Áries) (transtornos e mudanças agitadas).

Para complementar a leitura, veja a Lua Nova de 21/08/2017 no post agosto 2017, astrológico.

O eclipse de 21/08/2017 é pouco visível no Brasil - em pequena parte do território e de maneira parcial.

Destaco o seguinte nos mapas - alguns trânsitos, e influência do eclipse:
(não analisei Progressões e Retornos, essa é uma análise superficial apenas de trânsitos e do eclipse)

1) Brasil mapa de 02/09
Júpter é o regente do mapa, Mercúrio é o regente do governo.
O eclipse não mostra problemas para o país, ao contrário, mostra benefícios. Mas os planetas em trânsito estão desafiadores.

O eclipse de 21/08/2017 acontece na casa 9.
Os aspectos que forma com o mapa são harmônicos: sextil com Marte, trígono com Urano e Netuno.
Mostra que o país é beneficiado.

O Sol rege a casa 9, o eclipse acontece também na 9.
Simboliza problemas com a lei, com o judiciário, turistas, estrangeiros, imigrantes, comércio exterior, notícias de queda de um governante em país distante.

Plutão enviando trígono aos planetas de poder do mapa (Sol e Mercúrio) mostra que o governo provavelmente se mantém até os próximos desafios.

A partir de 15/05/2018 Urano em Touro passa para a oposição com Marte, indicando tumultos, desafios aos políticos e ao partido do poder - durante todo o ano.
No momento, Urano já está em orbe de quadratura com Marte, mas fora de signo. Quando entrar em Touro o desafio será maior.

- MERCÚRIO, o regente do governo está em fase de Retorno (aniversário).
O Retorno de Mercúrio acontecerá no dia 21/09/2017 5:02:42h RJ.
Originalmente na casa 10, Mercúrio fará o Retorno se posicionando na casa 1, prevendo mudanças no governo ou novidades e novo caminho do governo.

- SATURNO desde 2013 na casa 12 mostra um período de dificuldades principalmente financeiras e problemas de segurança.
Em junho/2016 entrou na casa 1 - porém fazendo quadraturas com o Sol e Mercúrio, o que desestabiliza o governo (Mercúrio rege o governo, e Sol representa o governante).

No momento, faz quadratura com a Lua (até novembro/2017) indicando sofrimento da população.

Nesse mapa do dia 02 Saturno rege a casa 2 e seus desafios afetam diretamente a situação financeira do país e do povo.
Possibilidade de que os assuntos principais aqui sejam dinheiro estrangeiro, legislação financeira, tributos, etc
Por sua regência da casa 3 desse mapa (em conjunto com Urano) outros assuntos importantes também são as comunicações e os meios de locomoção (carros, ônibus e caminhões), as redes de telefonia, televisão e internet, problemas em fronteiras ou país vizinho.

A entrada de Saturno em Capricórnio em 20/12/2017 pode levar a reestruturação ou novo sistema financeiro.
No início, a quadratura com Plutão natal mostra uma fase crítica, de mais ajustes, cortes e crises financeiras.
À medida que esse aspecto enfraquece e passa a ser fortalecido o trígono com Saturno natal, a tendência é de melhora ou estabilização.

- PLUTÃO transitando na casa 2 afeta a situação financeira, desde fevereiro/2011.
Mas iniciou esse trânsito com trígono ao Sol, fortalecendo o governo mesmo que haja problemas ou escândalos.
Esse aspecto está perdendo sua força.

- o pior aspecto desse mapa é a oposição de NETUNO com o Sol e depois com Mercúrio natais.
O Sol representa o governante e Mercúrio é regente do governo, por isso esse aspecto simboliza instabilidades para o governo, falta de direção, traições, mentiras, etc

Netuno se opôs ao Sol de fevereiro/2014 até março/2018 (orbe de 5 graus).
A sua oposição com Mercúrio está ativa de março/2016 a abril 2020 (orbe de 5 graus)
Os períodos que a orbe é bem próxima ou exata são os mais críticos, o período do início e do fim dessa influência são brandos.

Temos então um período que vai de fevereiro/2014 a abril 2020 de instabilidades no governo (em uma orbe de 5 graus), ou de fevereiro/2015 a abril/2019 (em uma orbe de 3 graus).

Os efeitos dessa oposição são aspectos negativos de Netuno: traição, intrigas, falsidade, enganos, fugas, mentiras, ilusões, perdas.

No caso de alto nível espiritual ou moral é possível transmutar os efeitos de uma oposição (porque esse é um aspecto de desafio mas também de negociação) e os efeitos seriam idealismo, inspiração, criatividade, despertar para outras realidades, carisma, sensibilidade.
Infelizmente, parece a mim que continuaremos a viver o aspecto mais negativo dessa oposição.

2) Brasil mapa de 07/09
Saturno e Urano são os regentes do mapa, e Plutão e Marte são os regentes do governo.
O eclipse mostra benefícios sociais vindos do trígono com Urano e Netuno, mas a oposição ao Ascendente e quincuce com Plutão na casa 2 mostra desafios.

O eclipse de 21/08/2017 acontece na casa 7.
Sol e Lua formam trígono com Urano e Netuno indicando benefícios e força do congresso (casa de Urano e Netuno).

Há uma oposição com o Ascendente que indica desafios ao país: quebra de acordo, problemas com países estrangeiros, dificuldade de fazer alianças, rompimento, denúncias, rivalidades e disputas, notícias de guerra em país vizinho ou próximo.

Plutão enviando trígono ao Sol mostra que o governo provavelmente se mantém até os próximos desafios.
A partir de 15/05/2018 Urano em Touro passa para a oposição com Marte, indicando tumultos, desafios aos políticos e ao partido do poder - durante todo o ano.
No momento, Urano não está ainda em orbe de quadratura com Marte, como no mapa do dia 02. Mas a partir de maio/2018 o desafio será também o ano todo.

Nesse mapa, o governo tem 2 regentes: Plutão e Marte, e eles não são aspectados pelo eclipse.

- O Retorno de MERCÚRIO acontece em 26/09/2017 11:36:40h SP.
Originalmente na casa 8, Mercúrio faz seu Retorno se posicionando na casa 9, prevendo segredos que saem do escuro, escândalos ligados ao governo e altos escalões que tomam proporção internacional.

- SATURNO em trânsito na casa 11 mostra o endurecimento do congresso, que tende a ficar mais conservador e autoritário, tanto em relação ao povo como em relação ao governo.
Saturno aqui rege a casa 1 (juntamente com Urano).

Sua passagem por Sagitário mostra que um dos assuntos mais importantes para o país nesse momento são o Legislativo e o Judiciário, com muitos debates e discordâncias em relação às leis.

Sua entrada em Capricórnio em 20/12/2017 indica que o foco, a partir daí, passa a ser o próprio governo, a estrutura e o sistema do nosso governo.

No início desse trânsito (dezembro/2017 a fevereiro/2018) há um choque com Plutão natal (quadratura) que aqui representa o próprio governo - com previsão de fortes conflitos envolvendo toda a cúpula.

Em fevereiro/2018 se aproxima do trígono com Saturno natal e até 2019 não faz aspectos grandes desafiadores.

- PLUTÃO está a 7° da casa 12, e Plutão é um dos regentes do governo.
Essa aproximação da casa 12 mostra enfraquecimento.
Nos últimos anos, Plutão na casa 11 mostrou forte atuação do Executivo dentro do Legislativo.
Essa influência tende a diminuir.

Esse trânsito mostra, no futuro, desgastes ainda maiores dos próximos governos.

Na fase incial mostrou força e até mesmo um reestabelecimento do poder, já que Plutão está em trígono com o Sol desde fevereiro/2015.
Esse aspecto está terminando e perdendo sua força.

Em 2018 prevalece sua posição difícil na casa 12 indica crises e insegurança para o país, com altos gastos e sensação de estar sem rumo.

- NETUNO nesse mapa também forma aspectos muito difíceis.
Andou pela casa 12 do mapa até 2010.

Em janeiro/2010 veio para a casa 1, trazendo à luz coisas que estavam ocultas do público, principalmente relacionada com finanças - pois Netuno rege a casa 2.
No início do trânsito não houve problemas porque não houve aspectos desafiadores, só benéficos, e nesse caso há a sensação de maior controle da função do planeta quando ele chega na casa 1.

A partir de fevereiro/2013 Netuno começa a quadrar a Lua e Júpter natais - até dezembro/2016.
Essa quadratura mostra instabilidade para a população, enganos, dificuldade para ver com clareza, tendência a ser traído ou iludir a si mesmo.

A partir de março/2017 Netuno começa a desafiar por oposição o Sol até o final de 2019.
Temos aí um período de instabilidade igual ao descrito no mapa do dia 02/09 para o governo: "os efeitos dessa opsição são aspectos negativos de Netuno: traição, intrigas, falsidade, enganos, fugas, mentiras, ilusões, perdas.
No caso de alto nível espiritual ou moral é possível transmutar os efeitos de uma oposição (porque esse é um aspecto de desafio mas também de negociação) e os efeitos seriam idealismo, inspiração, criatividade, despertar para outras realidades, carisma, sensibilidade.
Infelizmente, parece a mim que continuaremos a viver o aspecto mais negativo dessa oposição. "

Então, para esse mapa do dia 07 a instabilidade de Netuno vai de fevereiro/2013 a dezembro/2016 para a população, e de março/2017 ao final de 2019 para o governo.

Como os dois estão ligados, a instabilidade no país, para esse mapa, do dia 07 vai de fevereiro/2013 ao final de 2019, mais forte nos períodos em que o aspecto estiver exato ou mais próximo.

Netuno rege a casa 2, e esses desafios mostram crise financeira, pobreza, desamparo, etc
Netuno também simboliza, negativamente, as perdas e os enganos (com dinheiro os enganos se transformam em trapaças e roubos).
Uma vez que estava na casa 12, oculto, esses problemas permanecem escondidos.
Sua entrada na casa 1 mostra um novo rumo financeiro e também que vem à tona as denúncias que estamos vendo.

3) mapa do nosso atual presidente, Michel Temer
O eclipse quadra Urano natal indicando imprevistos. Os trânsitos estão desafiadores, mas ele está num período de força.
O eclipse acontece na casa 12.

A área ativada corresponde a traições, espionagem, crises muito difíceis de contornar. Na sua vida particular pode influenciar com doenças, e na sua vida pública com problemas com a mídia, escândalos, etc.
O apagão do Sol aí pode simbolizar tanto perda de alianças ocultas como notícias de queda de governo em país distante - que lhe afetam também.

Sol ocultado na 12 ainda pode mostrar a queda dos seus inimigos, porque o Sol nesse mapa rege a casa 12.

Há desafios e forças: uma grande luta de poder com inimigos fortes onde a pessoa também está forte.

- PLUTÃO em trânsito por sua casa 5 lhe concede muito poder e força pessoal.
Apesar da impopularidade ele se mantém.
Mas Plutão também desafia seu planeta mais forte, Mercúrio, simbolizando a disputa de poder com resultados imprevisíveis.
Plutão rege a imprensa nesse mapa, indicando que parte da imprensa não ficará a seu favor.
Plutão faz trígono com Marte natal (energia e poder), seu percurso mostra mais trígonos no futuro (enorme força para se recuperar de problemas) - ele está em um período de poder.

-SATURNO entrou em sua casa 4, esse trânsito indica sofrimento emocional interno, mas na vida pública traz poder e força, momento de se criar estabilidade mesmo em meio a lutas.
Essa entrada na casa 4 será seguida por várias quadraturas a planetas no seu Ascendente incluindo o Sol durante o ano de 2018 e isso também simboliza (além das disputas fortes) perda de poder.

- NETUNO em sua casa 7 quadra a Lua natal na casa 10. Mostra sua atual impopularidade.
Netuno rege essa casa e está mais forte que a Lua e a Lua está acima de Netuno.
Mostra confrontos, disputas, rompimentos, traição, oposição, instabilidade.

- URANO em trânsito por sua casa 8 indica poder oculto. Em trígono com sua Roda da Fortuna na casa 4 e fará trígonos com seus planetas do Ascendente durante todos os desafios de 2018.
Indica sorte e possibilidade de sair de crises - a casa 8 é uma casa de crises, e Urano aí lida de maneira inesperada com elas, para o melhor e para o pior, conforme seus aspectos.

4) o eclipse no mundo

Esse eclipse está dando assunto entre os astrólogos.
Marte combusto participando do eclipse é uma péssima influência porque pode trazer guerra ou outros grandes conflitos.

O Sol e o signo de Leão simbolizam a realeza e os governos.
A estrela Regulus é a estrela dos reis.

Temos um grande potencial de turbulência e queda de governos, guerra, ou ao menos oposição acirrada e disputas enormes pelo poder.

Astrocartografia: as linhas mais fortes passam pelos EUA.

No Brasil passam as linhas dos planetas que formam o Grande Quadrado (Vênus, Júpter, Plutão e Urano):

linhas do Sol, Lua e Marte:

linhas do Grande Quadrado:

O local onde esse eclipse é mais visível em sua totalidade é nos EUA:


Em Washington o eclipse acontece na casa 9 e também cai na casa 9:

Os aspectos desse mapa são muito tensos.
Vejo isso como enormes dificuldades com a questão dos estrangeiros - pessoas imigrantes e outros países.
A Lua natal recebe oposição desse eclipse - problemas para a população, com possibilidade de distúrbios e leis polêmicas/impopulares.

O maior desafio ao regente do governo, Mercúrio, vem por uma quadratura de Urano que já está no seu final e Urano ao mudar de signo fará trígono aí - sinal de superação.

A passagem de Saturno pelo Ascendente mostrou intensa luta de poder e mudança de rumo do país - isso já passou.
Atualmente Saturno quadra as casas 10 e 4, mostrando que essa luta de poder continua até dezembro/2017.

No mapa de Donald Trump o eclipse cai na casa 1 mas o Sol rege sua casa 12 e apagado aí pode simbolizar tanto a sua queda quanto a queda dos seus inimigos.
Há muitos aspectos benéficos que lhe sustentam no poder.
Acredito que seu maior desafio sejam os aspectos tensos de Netuno, que ficarão exatos em 2018.
Ele tem a estrela Regulus em conjunção com o Ascendente, como destino (reis e suas quedas), nasceu próximo de 3 eclipses : parcial do Sol na sua casa 10, parcial do Sol na sua casa 11 e o último em conjunção exata com Sol e Lua (nasceu no dia do eclipse), um eclipse total da Lua algumas horas após seu nascimento, em conjunção de 2° com sua Lua natal.

Em um mapa assim, que já vem com o destino de ascensões e quedas de poder, que às vezes são suas e às vezes dos seus inimigos, é difícil prever com exatidão.

Precisa-se aprofundar mais essa análise antes de tomar conclusões como certas, e, sinceramente, não tenho tempo para analisar todas as suas Progressões, Trânsitos e Retornos Solares.
Fica aí o mapa para quem quiser fazer isso com o mapa de Trump ou com o mapa dos EUA.

Acredito que haja muita turbulência por lá.

Leão é um dos signos que representa o Poder.
No Brasil o eclipse acontecendo na casa 8 (em Brasília) ativa os simbolismos dessa casa: intensificação da sexualidade, da mortalidade e dificuldades financeiras (o Sol é afetado).

Quanto à nós, pobres mortais, é bom lembrar que a luz do Sol também simboliza espiritualidade e seus eclipses mesmo com aspectos benéficos são negativos para os assuntos espirituais.

Poderemos compensar com os relâmpagos de Urano (trígono exato ao eclipse) nos dias mais escuros, enquanto seus efeitos estiverem presentes.
É recomendável intensificar suas práticas espirituais, seja qual for seu caminho.

Será muito bom se pudermos aproveitar a energia de cura e compreensão que essa formação poderá trazer.

Não que isso seja tão fácil, afinal a casa 8 se refere a crises.
Mas crises, mesmo sendo desagradáveis, além de nos testarem, muitas vezes contribuem para que entremos em contato com nossas partes mais fortes.

A casa 8 é ligada aos processos de transformação interior - geralmente são dolorosos porém compensadores.

A transformação da casa 8 não vem de graça, ela acontece como consequência de um imenso trabalho de nossa parte.
Na espiritualidade ela se relaciona com estudos e prática aprofundados (verdadeiras investigações), com sonhos, oráculos e dons intuitivos (esses dons, antes que possam ser plenamente utilizados vão exigir trabalho, disciplina, práticas, etc porque na maioria das vezes eles também causam crises).

Essas influências astrológicas acontecem para as pessoas que estão em locais onde o eclipse seja visível (quanto mais visível, mais forte) e para aqueles em que o eclipse faça aspectos fortes em seu mapa natal.

Para ter uma ideia da influência em seu mapa pessoal, veja o post Nodos: cabeça e cauda do dragão em trânsito no mapa natal na parte correspondente ao Nodo Norte (a 24° Leão) ou do eclipse (28°53' Leão) e também a posição da Lua (24° Aquário).

No clima, os eclipses costumam trazer perturbações e mudar as previsõecom acontecimentos extremos de chuva ou seca nos locais onde são visíveis.

Namastê.



Nenhum comentário: